Denúncia: Energia do Posto de Saúde Potengi, onde se encontrava as vacinas, pode ter sido cortada

Uma denúncia que chegou ontem ao nosso site, alerta que a energia do Posto de Saúde que tinha mais de 100 vacinas, pode ter sido cortada. A denúncia é grave e precisa ser investigada. Então, ontem ligamos para a Secretaria de Saúde às 13h36min. Para evitar exposição, não vamos divulgar os nomes dos envolvidos.

Informativo Atitude: Alô, boa Tarde! Olha, aqui é Lindoarte Lima do site Informativo Atitude, recebemos uma denúncia que a luz do Posto Potengi teria sido cortada, então estamos ligando pedindo os últimos três papéis de energia para saber se essas contas foram realmente pagas.

Funcionária: Boa tarde, acho que essa informação não procede!

Informativo Atitude: É por isso mesmo que estamos pedindo as contas pagas, para descartar essa denúncia.

Funcionária: Aguarde um minuto, vou procurar o setor responsável.

Alguns minutos depois a funcionária, pede para ligarmos para o setor de comunicação. Bem, eu não sei qual é a dificuldade de mostrar os últimos três recibos pagos da COSERN, mas como esse povo gosta de uma novela, desta vez resolvemos seguir o roteiro, ligamos para a comunicação, às 13h46min.

Informativo Atitude:  Boa tarde! Olha, eu não sei o motivo, mas me encaminharam para vocês, pois eu solicitei por telefone as últimas contas de energia pagas do Posto Potengi.

Depois de explicar tudo, eu pedi também os registros fotográficos do furto.

Comunicação: Olha, aqui não temos nenhum registro fotográfico, pelo menos não que eu saiba informar alguma coisa. Só quem deve saber é o Chefe do Setor.

Bem, o chefe da comunicação não se encontrava no momento, pois está se recuperando de Covid-19. Mesmo assim, ligamos e ele não atendeu, então, mandamos um áudio explicando tudo. Poucos minutos depois, ele retornou com outro áudio, dizendo que a denúncia não procedia, mas que iria averiguar. Duas horas depois, recebemos um áudio do mesmo afirmando que as contas foram todas pagas, mas nosso site não recebeu nada de recibos, nem as fotos do crime.

REFORÇO

Como não recebemos nenhum retorno satisfatório ou que esclarecesse algo referente a denúncia, entramos em contato com o Vereador Igor Targino, passamos para ele o que tinha ocorrido. Igor se comprometeu em cobrar os recibos tanto da prefeitura e como da Cosern, e deixou claro que espera que essa denúncia não seja verdade, pois se for, todos os envolvidos devem ser punidos.

A ESPERA DE ESCLARECIMENTOS

O site está à disposição dos responsáveis pela Gestão da Saúde de Macaíba ou da Comunicação, para vermos os recibos (pelo menos os três últimos) se foram realmente pagos. Deixamos claro que a nota da emitida pela prefeitura não foi totalmente honesta, pois afirmou que teria sido 100 doses, quando na verdade foi muito mais do que isso. Eu não vejo outra maneira de pôr um ponto final nessa novela, a não ser vendo esses benditos recibos da Cosern pagos. Outro detalhe com tantos técnicos de enfermagem recém contratados, qual o real motivo dessas doses serem guardadas?