Arquivos

O apoio do ex-presidiário Lula foi decisivo no segundo turno das eleições municipais, mas no sentido negativo. Das 18 disputas (15 do PT) citadas pelo petista nas redes sociais para pedir votos, os candidatos do petista ganharam em apenas cinco. A derrota do PT se somou aos maus resultados dos principais partidos de esquerda, que saíram das eleições deste ano com cerca de 370 prefeituras a menos, em relação a 2016.

Mais um pouco, acaba

Partido parceiro do PT, o PCdoB de Manuela D’Ávila amargou a pior derrota dentre todos os partidos de esquerda.
Desempenho modesto

Apesar da votação de Boulos, o Psol também teve desempenho modesto, exceto pela eleição de Edmilson Rodrigues em Belém.
A volta do pé-frio

Conhecido pela temperatura baixíssima do próprio pé, o ex-presidente não impediu que o PT perdesse 30% das “suas” prefeituras.
Prêmios de consolação

Nas mineiras Contagem e Juiz de Fora, além das paulistas Diadema e Mauá, o favoritismo passou longe e tiveram vitórias petistas apertadas.

Caludo Humberto

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou nesta segunda-feira(30) que o motorista da caminhonete envolvida no acidente que terminou com a morte de um casal na BR-226, em Macaíba, na Grande Natal, no último sábado (28) se apresentou à polícia horas depois da colisão. De acordo com os rodoviários, o homem de 61 anos se apresentou à Delegacia de Plantão da Zona Sul de Natal, foi ouvido e o veículo periciado pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) antes de ser liberado. O caso está sob responsabilidade da Polícia Civil.

O acidente aconteceu após a moto em que estavam Gabriella Nascimento de Góis, de 19 anos, e João Vitor Lima da Silva, de 21, bater na lateral da caminhonete, que tentava atravessar a via. Com o impacto da pancada, o casal foi arremessado para dentro do veículo. Os dois morreram no local. Valem destacar que o trágico desfecho ainda ganhou mais um capítulo de absoluta tristeza, quando o sargento Severino Góis, de 54 anos de idade, da Polícia Militar foi chamado para a ocorrência do acidente e, ao chegar no local, percebeu que uma das vítimas era a própria filha.

Com acréscimo de informações do G1-RN

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (30).

Foram mais 641 casos confirmados, totalizando 95.123. Até o domingo (29), eram 94.482 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 2.688 no total. Nenhum nas últimas 24 horas, e dois após a confirmação de exames laboratoriais de dias anteriores. Mortes em investigação são 386.

Casos suspeitos somam 38.199 e descartados são 229.597.

‘Pedi força a Deus quando vi que era ela’, diz PM que atendeu ocorrência de acidente que matou a própria filha

O sargento da Polícia Militar Severino Góis, de 54 anos de idade, passou neste sábado (28) pelo que ele chamou de “pior experiência da vida”. O policial foi chamado para atender a uma ocorrência de acidente de trânsito na BR-226, em Macaíba, na Grande Natal. Ao chegar ao local, ele descobriu que uma das vítimas era sua filha Gabriela Nascimento de Góis, de 19 anos, que morreu no acidente. “Eu pedi muita força a Deus quando vi que era ela”, disse.

A jovem estava acompanhada do namorado João Vitor Lima da Silva, de 21 anos, que também morreu. Os dois vinham em uma moto na BR-226, no sentido Natal, quando bateram na lateral de uma caminhonete que iria cruzar a via. Com o impacto, o casal foi arremessado e entrou pela janela do carro. Os dois morreram no local.

“Quando eu cheguei no local eu vi que tinha uma guarnição da PRF. Aí eu pensei: ‘esse acidente não foi na estrada de barro, foi aqui na BR. Isso é com a PRF. Mas vamos encostar aqui ao lado’. Aí eu encostei a viatura com a minha equipe. Ao chegar no local, eu vi a moto toda destruída. A pancada foi violenta. Aí eu olhei, por trás da moto, e vi um capacete rosa. O capacete que era da minha filha. Eu olhei e disse ‘esse capacete eu conheço, é da minha filha’. Aí o rapaz veio para perto de mim e disse ‘calma, sargento Góis. Foi Gabi’”, contou, emocionado.

“Nessa hora Jesus me deu força, me deu coragem, e eu me desloquei até o carro. Chegando no lado do passageiro eu visualizei o meu genro. De costas, já dentro das ferragens. E eu vi os pés dela. Então eu corri, arrodeei pelo lado do carro e abri a porta. Quando eu abri a porta, minha filha estava deitada como se estivesse dormindo. Naquele momento eu abri minha mente para Deus e disse ‘Senhor, me dá forças. Porque eu sei que minha filha não está mais comigo, nem meu genro. Mas o Senhor vai me dar forças”, disse.

O sargento permaneceu no local do acidente até a chegada do Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep). Em entrevista à Inter TV Cabugi ele contou que Gabriella queria ser policial rodoviária federal e que estava estudando para realizar esse sonho. “Ela era uma menina estudiosa. Semana passada mesmo ela me disse que ia me dar muito orgulho, que ia ser policial rodoviária federal. Mas não deu tempo”, lamentou.

Gabriella e João Vitor namoravam há um ano e, segundo a família, já estavam planejando o noivado.

Fonte: portal G1RN

As derrotas de Marília Arraes, no Recife, e de João Coser, em Vitória, fizeram o PT amargar seu pior resultado em capitais em uma eleição municipal desde de 1985.

É a primeira vez que o Partido dos Trabalhadores não elege nenhum prefeito em capitais.

O primeiro turno já havia sinalizado um resultado ruim para a legenda, que já não havia conseguido nenhum prefeito eleito.

Em 2004, o partido chegou a eleger seu maior número de prefeitos em capitais: nove ao todo.

O prefeito Álvaro Dias (PSDB) esteve em Brasília durante a semana passada e, aproveitou a passagem pela capital federal para participar do aniversário do ministro potiguar Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional. Na oportunidade, acabou encontrando o presidente Jair Bolsonaro, a quem agradeceu pelo apoio concedida a Prefeitura de Natal.

Em postagens nas redes sociais, Álvaro Dias disse que peregrinou por ministérios durante a semana para buscar recursos para obras estruturantes e para a saúde da capital potiguar. Em seguida, acrescentou que agradeceu a Bolsonaro “pelo apoio constante que vem dando a Natal, tanto em meio a pandemia, com recursos para saúde, como em obras estruturantes que vem sendo realizadas em nossa cidade com a parceria do Governo Federal”.

Confira a postagem abaixo.

Fonte: Portal Grande Ponto

A Polícia Militar encontrou e prendeu dois suspeitos de envolvimento no assassinato do Sargento Brito, na tarde desde domingo (29), em Natal.

Os dois homens estavam no bairro das Quintas e foram conduzidos à Delegacia de Plantão da Zona Sul. Um dos suspeitos usava tornozeleira eletrônica. Com eles foi encontrada uma arma de fogo.

Brito reagiu a um assalto e foi morto a tiros. O pai dele que também foi atingido está internado em estado grave.

CHIFRE ELEITORAL


Hoje a vitória do Iluminado é algo consumado, pois o mesmo já conta com 11 dos 17 vereadores. Por trás do favoritismo do Iluminado, estaria o futuro Prefeito Bob Filho (Emídio Júnior). Como foi relatado antes, o compromisso do futuro prefeito era de eleger alguém do PSB, que seria Luizinho, pai do vice-prefeito Netinho França. Tudo corria bem até o Iluminado Denílson Gadelha anunciar que concorreria a Presidência da Câmara, tirando o favoritismo de Luizinho.

CHIFRE ELEITORAL II


Neste sábado, todos foram pegos de surpresa quando o Iluminado Denílson Gadelha postou uma foto com 07 vereadores. Tanto o vice-prefeito Netinho França, como seu pai e futuro vereador, Luizinho, ficaram espantados. Para muitas pessoas ligadas a Luizinho, o chifre eleitoral foi consumado naquela foto, que deixou claro para todos, que a preferência do futuro prefeito é seu amigo Denílson e não o pai do seu vice.

LIGAÇÃO INDISCRETA


Denílson também teria chamado um vereador eleito para conversar, mas o vereador disse que só ia apoiar quem o futuro prefeito apoiasse. Imediatamente, o Iluminado sacou seu celular e teria feito uma ligação para Bob, que teria confirmado sua preferência.

ENCURRALADO


Segundo fontes, Luizinho teria ficado encurralado com a situação e procurado Bob Filho para uma conversa, mas até ontem, o mesmo não teria tido sucesso. Luizinho contava com a palavra de Bob Filho, de que ele seria o nome para disputar a eleição da Câmara.

PASSADO VEXAME


Querendo ou não, Luizinho além de ter sido o vereador mais votado, é também o pai de Netinho França, e foi um dos que mais torceu para essa união. O ex-prefeito passou um grande vexame, quando acreditou nas promessas feitas no período eleitoral. Luizinho era um nome forte até a manhã da última quinta-feira (27), quando Bob teria colocado para moer no nome do Iluminado.

EM SILÊNCIO


Luizinho permanece em total silêncio. Segundo fontes, o ex-prefeito acredita que pode estar havendo algum erro, provocado por mentiras, que estariam levando os vereadores a acreditar que o nome de Denílson seria o nome de Emídio, quando na verdade o nome é o dele.

Foto: divulgação

O MPPE (Ministério Público de Pernambuco) solicitou a prisão de uma mesária na cidade de Paulista, na região metropolitana do Recife, por orientar eleitores a votarem em um candidato em específico no segundo turno das eleições municipais.

Ela trabalhava na seção 99 da Escola Estadual Maria Alves Machado e foi encaminhada à delegacia para assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência.

Francisco Padilha (PSB) e Yves Ribeiro (MDB) disputam o cargo de prefeito de Paulista. O candidato apoiado pela mesária detida, porém, não foi divulgado.

Ainda segundo o MPPE, duas pessoas foram presas por realizar aglomerações em frente ao mesmo colégio eleitoral. Além disso, foi identificado um cidadão realizando boca de urna, com distribuição de santinhos e dinheiro para eleitores. Ele também foi encaminhado à delegacia.

UOL

O PT foi oficialmente substituído este ano pelo PDT e pelo PSB como os principais representantes da esquerda brasileira, mas os três partidos saíram reduzidos das eleições municipais de 2020. Todos elegeram menos prefeitos e vereadores entre a eleição de 2016 e 2020, cenário oposto dos partidos de centro e dos representantes da “velha política”. Não há mais partidos de esquerda entre os cinco maiores do País.

Em 2020, o PDT elegeu 3.345 vereadores, o PSB, 2.948, e o PT 2.584; respectivamente 11%, 18% e 7,5% a menos que na eleição de 2016.

O PT perdeu mais de 30% das prefeituras que conquistou em 2016. O PDT perdeu 8% e o PSB, impressionantes 40%.

MDB, PP, PSD, PSDB e DEM ocupam as cinco primeiras posições entre os partidos que mais elegeram prefeitos e vereadores este ano.

DIÁRIO DO PODER