Rei da Contradição: Prefeito manda limpar colégios e manda ônibus para o ENEM, mas cancela concurso colocando a culpa no coronavírus

O Prefeito Bob Filho (Emídio Júnior), já tinha o desejo de adiar o concurso faz tempo. O mesmo teria procurado todos os meios legais para tentar frear as provas que iriam ocorrer no final desse mês e início do próximo. O que Bob não contava, era que o concurso tinha sido bem fiscalizado por diversos órgãos como Ministério Público, Defensoria e a própria população.

Veja abaixo a nota sobre o ENEM:

Agora veja a nota do mesmo sobre adiamento do concurso:

Muitas pessoas estão indo procurar o Ministério Público para denunciar esse ato do atual Prefeito, que é considerando por muitos como um ato que visa apenas atender a sua demanda política, em resumo, seus próprios anseios. O clima nas redes socais está tenso e o atual Prefeito vem se desgastando a cada dia com a população.

VEREADOR IGOR TARGINO SAI EM DEFESA DOS CONCURSEIROS

Nota de repúdio. Vereador Igor Targino vem a público externar sua indignação ao prefeito municipal pelo seu ato de suspender o concurso público que seria realizado ainda esse mês de janeiro.

De acordo com o vereador, as alegações por parte do executivo não condiz com a postura do prefeito anteriormente, quando o mesmo ainda vereador cobrava veementemente a realização do concurso público, que também seria a solução para o futuro do Macaibaprev.

Hoje, prefeito, estamos vendo outro Emídio, sem esquecer sua mudança de postura em relação a alíquota do projeto de reforma da previdência. Fico aqui pensando nos milhares de macaibenses que pagaram a inscrição, estudaram, dedicaram seu tempo, abriram mão do lazer e da família, se preparando para essas provas. Falar em pandemia agora? Recentemente passamos por uma eleição, onde multidões foram às ruas, No mais, Macaíba dispõe de vários prédios públicos, escolas, ginásios, prédios do Governo do Estado, sendo possível a realização do concurso com as devidas medidas protetivas, lembrando que a última eleição foi mantida, quando tínhamos mais de 50 mil eleitores aptos a votar. Sem falar no ENEM que está mantido para milhões de brasileiros. Finaliza Igor Targino, vereador de Macaiba.