Pai e madrasta são suspeitos da morte de menina de 3 anos

Pai e madrasta são suspeitos da morte de menina de 3 anos na zona rural de Russas
O pai levou a criança ao hospital e de lá fugiu ao saber que ela havia morrido.

Policiais da Delegacia de Polícia Civil da cidade de Russas, na Região do Vale do Jaguaribe (a 163Km de Fortaleza) estão em diligências na tentativa de localizar um casal suspeito de ter assassinado uma criança de apenas 3 anos de idade. O crime foi constatado na tarde desta segunda-feira (20), quando o próprio pai levou a criança ao hospital e ali chegou informando que ela se engasgara. Logo, porém, os médicos constataram no corpo da criança lesões graves compatíveis com espancamento.

De acordo com as primeiras informações da Polícia, logo após saber que a criança havia morrido, o pai tratou de fugir imediatamente do hospital.

A Polícia foi até a localidade de Poço Redondo, na zona rural de Russas, onde mora a família, em busca de encontra os suspeitos, mas estes já tinham desaparecido dali, o que reforçou a suspeita de que o casal maltratava e espancava a menina Esther, de apenas 3 anos de idade.

Mas com a competência da nossa Polícia, o casal foi preso, e negam o envolvimento sobre a morte da pequena Esther, estão a disposição da justiça.