Narrador diz ter sido demitido da Globo após denunciar assédio - Informativo Atitude

Narrador diz ter sido demitido da Globo após denunciar assédio

O narrador Linhares Júnior, que foi demitido após 13 anos de Globo, disse que sofreu assédio moral da emissora carioca. Ele disse que foi mandado embora após denunciar o caso para a ouvidoria.

De acordo com Linhares ao site Notícias da TV, o gerente de futebol, George Guilherme, o chamou de “ultrapassado” durante uma reunião.

O narrador estava na Globo desde 2008, mas atuava principalmente no SporTV. Ele foi demitido em novembro, 20 dias depois de ir até a ouvidoria.

Segundo Linhares Júnior, ele costumava cobrir partidas paulistas na Sportv, porém, passou a perder espaço em 2019. “Após a saída dos antigos nomes que estavam no SporTV, como o Raul Costa Jr., e também com a chegada de outros gestores, comecei a notar que perdi espaço. E comecei a pedir para o George mais oportunidades em partidas da Série A, em eventos importantes”, disse.

“Ele me disse que eu não precisava mandar e-mail para ela, porque pareceu que estava passando por cima dele. Pedi desculpa se ele entendeu que foi essa a intenção, mas ela era gestora de todos nós. Depois disso, senti que perdi ainda mais espaço, mas que iria trabalhar em 2020 para recuperá-lo”, explicou.