Glenn confirma ter recebido mensagens de Walter

No Twitter, Glenn Greenwald escreveu ser “nova e verdadeira” informação publicada na Folha segundo a qual Walter Delgatti, preso ontem e principal suspeito de invadir o celular de Sergio Moro, lhe encaminhou as mensagens.

O jornal diz que o material foi repassado de “forma anônima, voluntária e sem cobrança” e que os contatos com o americano “foram virtuais, somente pelo aplicativo de conversas Telegram, e ocorreram depois que os ataques aos celulares das autoridades já tinham sido efetuados”.

“Exatamente que falamos desde o começo”, tuitou Greenwald. Minutos depois, ele acrescentou, em outro tuíte, que não estava afirmando que a pessoa acusada pela PF é sua fonte.

Se Walter não repassou as mensagens, como poderia saber como Greenwald as recebeu?