Uma Grávida e outra mulher com criança de colo e homem são presos suspeitos de assalto em Natal

Taxista foi vítima de assalto pela primeira vez em 13 anos de profissão. José Theobaldo sofreu ameaças de morte ao atender corrida, no bairro da Ribeira.

Foi durante uma corrida na noite de terça-feira (11) que o taxista José Theobaldo sofreu o primeiro assalto em 13 anos trabalhando nas ruas de Natal. O motorista foi surpreendido por um trio de criminosos quando atendeu a um chamado no bairro da Ribeira, Zona Leste da capital.

A vítima foi abordada por um homem e duas mulheres, uma delas grávida. Outro detalhe chama atenção, a outra mulher carregava uma criança de colo. José Theobaldo conta que sofreu ameaças de morte com uma arma de fogo e um canivete. “Levaram tudo, o celular, a chave do carro e oitenta reais. Foi impressionante isso, uma mulher grávida, outra com um bebê e um homem. Nunca tinha visto isso”, relata o taxista.

Mais tarde, os suspeitos foram localizados e presos por policiais militares do 1º Batalhão, na Praça Augusto Severo, também no bairro da Ribeira. Os três foram levados para a Central de Flagrantes, onde a arma utilizada pelo criminoso ficou apreendida e os pertences do taxista foram recuperados e devolvidos.

O homem e as duas mulheres foram autuados por roubo. Ele ainda irá responder por porte ilegal de arma de fogo e corrupção de menores. “Nossa categoria sofre muito, todo dia tem assalto e a gente vive assustado”, disse um colega de profissão de José Theobaldo.

Por Sérgio Henrique Santos, Inter TV Cabugi