Tartaruga-marinha é encontrada presa a manchas escuras no litoral Norte potiguar; veja vídeo

Uma tartaruga-marinha foi encontrada presa em meio a manchas escuras no litoral Norte potiguar. Foi na tarde desta terça-feira (10), na beira da praia de Jacumã, no município de Ceará-Mirim. O animal, que estava com dificuldades para respirar e se movimentar, foi limpo e devolvido ao mar.

Manchas escuras e pegajosas começaram a aparecer em várias praias do estado desde o início da semana. Em nota, a Marinha do Brasil disse que fez a coleta de amostras e enviou o material para análise. O resultado ainda não foi divulgado.

Quem encontrou a tartaruga foi o agente de turismo José Alexi, que trabalha na Lagoa de Jacumã. Ele disse que caminhava com um amigo pela beira da praia quando viu o animal. “Tava quase sem se mexer”, disse ao G1.

Ainda de acordo com José, ele e o amigo usaram pedaços de madeira para remover as manchas que estavam cobrindo a tartaruga. “Acho que era piche. Tava cobrindo a boca e as narinas dela. Ela tava com muita dificuldade de respirar”, acrescentou.

Após limpar a tartaruga, trabalho que demorou quase uma hora, José disse que devolveu o animal ao mar. “Ficamos ali, esperando ela recuperar as forças. Ela conseguiu nadar e voltou para o mar”, comemorou.

“Tentamos falar com a Polícia Ambiental e com o Ibama, mas não conseguimos contato. O jeito foi agente mesmo limpar a tartaruga e soltar ela”, concluiu o agente.