Justiça nega pedido de Lula para transferir ação sobre doações da Odebrecht para São Paulo - Informativo Atitude

Justiça nega pedido de Lula para transferir ação sobre doações da Odebrecht para São Paulo

A justiça de Brasília rejeitou o pedido da defesa de Lula, para que a ação penal envolvendo doações da Odebrecht ao Instituto Lula seja transferida para São Paulo.

O juiz Ricardo Augusto Soares Leite, considerou ser improcedente um pedido registrando que o Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) já havia fixado a competência da Justiça Federal do DF para analisar as ações contra o líder de esquerda, sob o fundamento de que as tratativas dos supostos crimes decorreram de ações realizadas à época em que o petista era presidente da República.

A ação em questão mira repasses de R$ 4 milhões da Odebrecht entre novembro de 2013 a março de 2014 ao Instituto Lula. A Lava Jato alega que as doações se tratavam, na verdade, de propinas que teriam sido quitadas da subconta “amigo”, associada ao ex-presidente na planilha “Italiano” do Setor de Operações Estruturadas da empreiteira. Lula se tornou réu nesta ação em outubro do ano passado junto do ex-presidente do Instituto, Paulo Okamotto.