Jair Bolsonaro defende volta ao trabalho: ‘Empresários dizem que estão na UTI’

Jair Bolsonaro (sem partido) disse ter ouvido de empresários que o trabalho deles está “na UTI” em meio à crise causada pelo novo coronavírus. O presidente da República abordou o tema hoje, em live instável realizada no Facebook e encerrada antes do previsto por problemas de conexão.

“Nós ouvimos hoje os 10 empresários lá na presidência e mais de centenas por videoconferência, que representam 45% do PIB do Brasil. Eles falaram da necessidade de voltar a trabalhar. Eles agora dizem que estão na UTI, e você sabe o que acontece depois da UTI: ou vai para casa, ou vai para o repouso eterno. Nós não queremos que a nossa atividade comercial simplesmente deixe de existir”, disse Bolsonaro.

“A gente vai desafogando a questão dos empregos no Brasil. Nós botamos lá atrás as atividades essenciais que não podiam fechar, e o restante ficou a cargo dos governadores e prefeitos. Nós começamos a abrir do lado de cá. Em grande parte, o pessoal da construção civil já pode voltar ao trabalho”, afirmou, no mesmo dia em que assinou decreto para tratar o setor da construção civil como atividade essencial durante a pandemia.

Fonte: Uol