CABO DE GUERRA: Manifesto por pacificação política faz BB e Caixa ameaçarem deixar Febraban - Informativo Atitude

CABO DE GUERRA: Manifesto por pacificação política faz BB e Caixa ameaçarem deixar Febraban

A Caixa Econômica Federal e o BB (Banco do Brasil) ameaçam deixar a Febraban (Federação Brasileira de Bancos). O desembarque é estudado porque a federação decidiu assinar um manifesto que no momento está sendo encabeçado pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) pedindo a pacificação entre os Poderes da República. A interpretação dos bancos oficiais foi a de que o texto fazia uma cobrança apenas do Executivo.

A possível saída dos principais bancos públicos do Brasil da Febraban foi antecipada pelo jornalista Lauro Jardim, de O Globo, e confirmada pelo Poder360. A Febraban afirmou que o manifesto “foi submetido à governança” da entidade antes da decisão de assiná-lo.

Uma espécie de sindicato de donos de bancos, a Febraban conta com 117 instituições financeiras associadas e já havia mostrado preocupação com o tensionamento da política brasileira.