Bastidores da Política Estadual do RN em…”Desespero” - Informativo Atitude

Bastidores da Política Estadual do RN em…”Desespero”

DESESPERO

O desespero bateu forte na governadoria essa semana. A divulgação de uma pesquisa feita pelo instituto consult, encomendada pelo grupo Tribuna do Norte, mostra claramente a fragilidade do governo Fátima e uma rejeição altíssima agravada pelo seu desgoverno durante a pandemia.

BOMBA

A pesquisa caiu como uma bomba, e afetou principalmente os mais próximos ao governo. Segundo fontes, o cochichado na governadoria era grande, teve até gente que passou mal.

ELA SE MATOU

Uma coisa é certa: a atual governadora se matou durante a condução da pandemia. Fátima seguiu as instruções do seu comitê cientifico e os cálculos mirabolantes do seu secretário de saúde, que chegou a afirmar que teríamos mais de cem mil mortes o ano passado. Logo na chegada da pandemia, esse assunto poderia até ser perdoado, pois ninguém sabia ao certo com o que estávamos lidando, mas esse comitê que de cientifico não tem nada, ordenou que este ano fosse fechado tudo de novo, o que provocou uma crise sem limites em todo o Estado, quebrado empresas, destruindo empregos e o sonhos de milhares de pessoas.

ELA SE MATOU II

O comitê científico tentou emplacar mais uma vez um lockdown mais rígido, mas foi freado por empresários, comerciantes e trabalhadores que organizaram protestos e pregaram para que não mergulhássemos em uma crise sem volta. Agora vejam: a doença está em queda livre, os leitos estão hoje com uma ocupação abaixo de 40% e ninguém parou. Agora se tivesse tudo fechado, viria aquela velha conversa que o lockdown salvou milhares de vidas graças a ação do governo Fátima. É governadora, pelo que parece, a única coisa que a senhora conseguiu foi se matar politicamente, deixando órfão um monte de parasitas em 2022.