Rodrigo Maia diz achar “difícil” Lula ficar elegível

Em sua entrevista ao Estadão, Rodrigo Maia disse, entre outras coisas, que é “suicídio coletivo” tratar das eleições de 2022 neste momento.

O presidente da Câmara afirmou, porém, que acha “difícil” Lula ficar elegível, caso sua condenação seja derrubada.