Despedida: Além de Maradona só presidentes da Argentina e Fangio foram velados na Casa Rosada

Milhares de argentinos estão reunidos na manhã desta quinta-feira (26/11), em frente à Casa Rosada, para se despedir de Diego Armando Maradona. O ídolo está sendo velado na sede do governo da Argentina, uma honraria para poucos no país.

A família de Maradona aceitou o convite do presidente Alberto Fernández para realizar o velório no local. Antes do eterno camisa 10 argentino, somente um esportista havia sido velado na sede do governo: o piloto Juan Manuel Fangio, pentacampeão de Fórmula 1, em 1995. Ele morreu vítima de insuficiência crônica renal, aos 84 anos.