Categoria: Uncategorized

Na reunião presidencial de 22 de abril, o presidente Jair Bolsonaro já demonstrava o desgaste da relação com Sérgio Moro. Ele se referia ao ex-ministro da Justiça quando sugeriu que insatisfeitos se aliem, por exemplo, ao pré-candidato a presidente Álvaro Dias, em 2022. É que ele ficou sabendo um pouco antes de encontro secreto de Moro com o senador do Paraná. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Bolsonaro se referiu ao ex-juiz quando destacou notícias que elogiavam o ministro “apesar do presidente”. E o ministro não reagia a isso.

O presidente também estava convencido de que Moro estava entre os ministros que vazavam informações em troca de elogios na mídia.

Moro era o alvo quando Bolsonaro cobrou de todos atitude em defesa do governo. Ele sempre criticou a omissão nas causas do seu governo.

O presidente revelou que Moro simplesmente “saiu do grupo de ministros” sem se despedir ou falar com nenhum dos colegas.

DIÁRIO DO PODER

A Polícia Rodoviária Federal prendeu neste sábado (23) em São Gonçalo do Amarante, região metropolitana de Natal, dois homens e recuperou um HB20 que havia acabado de ser roubado.

Por volta das 13h, o dono do veículo que é motorista de aplicativo compareceu à unidade da PRF na BR 406, informando que o seu carro havia sido tomado de assalto e que havia sido feito refém e liberado posteriormente.

Ele ainda informou que, dois casais teriam solicitado o serviço no bairro de Nossa Senhora da Apresentação em Natal e quando chegaram em Extremoz, anunciaram o assalto e o colocaram no porta-malas. De lá eles foram para a cidade de Ceará Mirim, onde o libertaram.

O sistema de rastreamento do carro, estava informado que ele estava em uma rua próxima dali. De imediato, a equipe seguiu com o dono, na busca da localização. Após alguns minutos, o HB20 foi visualizado.

Os ocupantes perceberam a presença dos policiais e empreenderam fuga. Houve o acompanhamento e depois de aproximadamente dois quilômetros, o condutor do veículo perdeu o controle e colidiu na lateral de uma residência. Os ocupantes tentaram fugir, mas foram detidos. Com eles foram encontrados um revólver calibre 38, três munições intactas, além de vários celulares.

Os dois foram encaminhados à Delegacia de Plantão da Zona Norte de Natal. Na delegacia ainda foi constatado que um dos assaltantes é um adolescente de 15 anos de idade. O motorista esteve na delegacia e reconheceu os dois como sendo os autores do assalto. O outro homem de 18 anos, assaltou na tarde de ontem (22), na cidade de Ceará Mirim, uma Parati e o abandonou após o veículo atolar em um matagal. O carro também foi recuperado pela PRF.

O empresário e apresentador Silvio Santos analisa colocar no ar neste domingo ou na 2ª feira (24 ou 25 de maio de 2020) a íntegra das falas do presidente Jair Bolsonaro na reunião ministerial de 22 de abril.

Silvio Santos assistiu ao vídeo completo que foi divulgado na última 6ª feira. Achou que pode ser uma excelente atração para sua emissora, o SBT. “Ele fala o que as pessoas querem ouvir”, disse o empresário e apresentador.

O conteúdo dessa reunião ministerial de 22 de abril tem sido apresentado pelo ex-ministro da Justiça Sergio Moro como uma prova de que Bolsonaro teria manifestado intenção de interferir na Polícia Federal por razões políticas e pessoais. O presidente da República nega e argumenta que suas frases no encontro provariam justamente o oposto.

O SBT analisa neste momento em que horário poderia ir ao ar o vídeo, pois há muitos palavrões. A ideia do empresário é que possa já ir ao ar no domingo à noite, durante o programa Silvio Santos –e não cobrir esses expletivos com algum som, como tradicionalmente fazem as emissoras de TV no Brasil.

O vídeo completo tem 1h55min (eis a íntegra). Os participantes do encontro falam, pelo menos, 43 palavrões.

O SBT não exibiu seu telejornal SBT Brasil no sábado (23.mai.2020). Foi a 1ª vez que o programa não foi ao ar desde sua estreia, em 2005.

Segundo publicou o jornalista Mauricio Stycer, no portal UOL, a decisão partiu do próprio dono do SBT. O cancelamento teria sido informado aos funcionários no meio da tarde de sábado.

Não está clara ainda a razão exata pela qual o empresário, de 89 anos, teria decidido retirar o SBT Brasil do ar.

Até quando este texto foi publicado, o SBT não havia publicado nenhuma nota oficial nem algum dirigente da emissora havia se manifestado publicamente a respeito do episódio.

O Brasil registrou 965 novas mortes por covid-19 em 24 horas, totalizando 22.013,

De acordo com o boletim diário do Ministério da Saúde divulgado neste sábado (23), o Brasil registrou 16.508 novos casos confirmados e chegou ao total de 347.398. Em relação aos casos confirmados, 182.798 pacientes estão em acompanhamento (52,6%) e outros 142.587 estão recuperados (41,0%).

Com relação aos óbitos foram registradas 965 novas mortes pela doença em 24 horas, totalizando 22.013. Há ainda 3.534 mortes em investigação.

O pronunciamento de Jair Bolsonaro há pouco na frente do Palácio do Alvorada foi épico. Ele sambou na cara da imprensa, de Moro e da esquerda. Desabafou o que estava entalado, chamou seus eleitores, conquistou quem gosta de coragem, foi autêntico. O presidente vai dormir um gigante e a imprensa mais nanica ainda. Moro foi estraçalhado, virou apenas um dedo duro. A esquerda está em desespero, aprendeu que Bolsonaro não tem duas caras.

Gustavo Negreiros

Por AGORA RN

Um vídeo gravado de um prédio em Parnamirim, na Grande Natal, registrou um racha na BR-101, na noite desta quinta-feira (21). Dois motociclistas foram presos, por participarem de “racha” e por causarem lesão corporal a outra pessoa.

A Polícia Rodoviária Federal recebeu, via WhatsApp, uma denúncia de “rachas” praticados por motociclistas, nas imediações do Conjunto Mirassol, em Natal.

De imediato, a informação foi repassada e fez abordagem a veículos suspeitos. A equipe seguiu em diligências e quando chegou no perímetro urbano da rodovia, em Parnamirim, visualizou vários motociclistas disputando corrida.

Quando perceberam a presença da equipe PRF, todos tentaram fugir, pegando a contramão da rodovia. Na fuga, dois motociclistas terminaram colidindo com um outro que seguia no sentido contrário, com destino à sua residência.

Os policiais rodoviários federais deram voz de prisão aos dois infratores, além de prestarem assistência à vítima, que foi socorrida ao hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim.

Um dos causadores do acidente também foi levado ao hospital, mas foi liberado e encaminhado, com o parceiro, à Central de Flagrantes em Natal. Os veículos foram recolhidos ao pátio.

Há duas semanas, quando o Blog do FM noticiou que vários funcionários da TV Tropical testaram positivo para o Coronavírus, e que a emissora estaria tomando todas as precauções com relação às medidas de prevenção ao contágio do vírus, sabia que não seria fácil.

Nessa sexta-feira, o apresentador do Café com Notícia na 98FM e do Cidade Alerta, na TV Tropical, Salatiel de Souza, 47 anos, foi a mais nova vítima da Covid-19.

Salatiel deverá permanecer em isolamento em casa.

O vídeo da reunião de Jair Bolsonaro frustrou uma parte da oposição a ele, que esperava assistir a cenas piores do que as que foram mostradas na filmagem.

Políticos e magistrados críticos do presidente acreditam que o vídeo pode até render frutos a Bolsonaro, do ponto de vista popular, apesar dos palavrões –em especial quando ele levanta bandeiras caras ao bolsonarismo, como a do armamento.

Magistrados do STF (Supremo Tribunal Federal) também opinavam, num primeiro momento, que o vídeo não deve impulsionar as investigações contra Bolsonaro deflagradas com as acusações de Sergio Moro.​

MÔNICA BERGAMO

 

A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL-SP), que recentemente teceu críticas a Jair Bolsonaro, deu a entender que a divulgação do vídeo da reunião ministerial pode ser positiva para o atual governo. “Eu não sei se eu estou vendo a fita que vinha sendo anunciada. Realmente não sei. A fita que eu estou vendo reelege o presidente”, escreveu a deputada no Twitter.

O vídeo é apontado como prova por Sergio Moro, ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública, para a acusação de que Bolsonaro teria tentado interferir no comando da Polícia Federal para benefício próprio. Após deliberação, o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu pela quebra de sigilo do vídeo da reunião entre o presidente e seus aliados de governo.

Antes de opinar que o vídeo fortalece Bolsonaro junto a seus apoiadores, Janaina Paschoal já havia feito outra publicação a respeito da reunião. “A dúvida que não quer calar: o que, afinal, o Presidente quis dizer com a seguinte sentença ‘o que os caras querem é a nossa hemorroida’?”, questionou.

UOL