A procura: Polícia segue em busca do segundo suspeito de participar da morte de coronel da PM em Natal

A polícia ainda está à procura do segundo suspeito de participar da morte do coronel Nunes, da reserva da Polícia Militar. O crime aconteceu no sábado, 28, durante um assalto a uma loja no bairro de Cidade Alta, em Natal.

O autor dos disparos que atingiram o coronel, foi morto em Macaíba, no mesmo dia do assassinato. O homem cumpria pena sob monitoramento de tornozeleira eletrônica e a PM o rastreou.

Um segundo suspeito, que conduziu o veículo para a fuga dos bandidos, ainda está desaparecido e a polícia segue em busca.

O caso

O coronel PM foi morto durante um assalto a uma loja, na tarde do sábado, no bairro de Cidade Alta, em Natal. O criminoso percebeu que o militar estava armado e realizou diversos disparos.

Coronel Francildo de Souza Nunes, o coronel Nunes, estava na loja quando o bandido entrou e anunciou o assalto. Enquanto fazia como reféns todos os clientes que estavam na local, o criminoso percebeu um volume por baixo da roupa do coronel e disparou contra ele.