Governo Bolsonaro mantém gastos com Educação superiores aos de Defesa em 2021

O governo manteve projeção de gastos maiores com o Ministério da Educação do que com o Ministério da Defesa em 2021. A hipótese de inversão das proporções era estudada por uma ala da equipe de Bolsonaro. O tema foi veiculado na imprensa e não foi bem recebido pela população.

Segundo o projeto Lei Orçamentária Anual encaminhado ao Congresso nesta 2ª feira (31.ago.2020), os 2 ministérios tiveram alta de recursos. As pastas com maiores orçamentos são:

  • Educação: R$ 144,5 bilhões;

  • Saúde: R$ 136,7 bilhões;

  • Defesa: R$ 116,1 bilhões;

  • Cidadania: R$ 104,3 bilhões.

PODER 360