Voos charters entre Natal e Amsterdã começam em novembro

O Rio Grande do Norte recebeu no Aeroporto Internacional Aluizio Alves, nesse domingo, 170 passageiros vindos de Amsterdã, na Holanda, no voo inaugural da companhia Corendon Airlines. O voo é conquista de um esforço feito pelo Governo do RN no início do ano para dinamizar o setor de turismo, trazendo divisas para o estado. A governadora Fátima Bezerra esteve reunida com a diretoria da Corendon em fevereiro passado, quando já arrematou o início destes voos charters vindos da Holanda. Desde então, Fátima tem mantido em sua agenda compromissos com importantes companhias do setor como InframericaCVC e GOL.

O voo atenderá o período de alta temporada e o início da baixa, com partidas e chegadas todos os domingos e quintas-feiras, até abril de 2020. Segundo o levantamento da empresa aérea, a operação total deste voo pode gerar até R$ 56 milhões para a economia do estado. Ainda segundo a Corendon, o perfil dos turistas trazidos é de casais e famílias que vêm passar cerca de sete dias no RN escolhendo como principal destino as cidades de Natal, São Miguel do Gostoso e Tibau do Sul.

Os visitantes deste primeiro voo foram recepcionados com música, dança e comidas típicas, em uma recepção organizada pela Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), Secretaria de Turismo do Estado do Rio Grande do Norte, Aeroporto de Natal, Corendon e pelas prefeituras de Natal, Maxaranguape e de Tibau do Sul, além do apoio da ABIH/RN, ABAV, Sindetur, Natal CVB, Sistema Fecomercio e Sebrae.

Para Bruno Reis, presidente da Emprotur, o papel institucional do Governo do RN foi cumprido. “Fizemos jus ao título do estado mais receptivo do Brasil. No total da operação desse voo receberemos cerca de oito mil turistas estrangeiros que gastam em média mil euros por semana aqui no nosso estado, um incremento importante para nossa economia. O turismo é a atividade econômica que gera recursos de forma mais rápida, por isso precisa ser prioridade.”

Blog do FM