PM perseguido pela governadora Fatima agradece a impressão livre - Informativo Atitude

PM perseguido pela governadora Fatima agradece a impressão livre

Agradeço a todos os veículos de comunicação livres, imprensa de verdade e não militantes partidários, que lutam pela verdade, justiça e em defesa de direitos constitucionais; por darem publicidade e se posicionaram contra mais está injustiça que vem sendo praticada pelo atual governo do nosso amado RN.
“Para que o mal prevaleça, basta que os bons cruzem os braços.”
LUTAREI, ENQUANTO TIVER FÔLEGO DE VIDA, PARA QUE DIREITOS CONSTITUCIONAIS E SAGRADOS SEJAM ASSEGURADOS À TODO POLICIAL MILITAR, E A QUALQUER OUTRO CIDADÃO DE BEM.
É inadmissível, em pleno século XXI, estarmos passando por isso.
Tantos problemas assolam nossa instituição, são tantas as demandas da segurança pública, aí a Polícia, o Governo do Estado está perdendo tempo bisbilhotando rede social de cidadão de bem?
Querendo punir Policial, por expor opinião que não configura crime?
Independente de entendimento Político-ideológico.
Não discuto política no serviço, não discuto política fardado, não discuto política com superior hierarquico, subordinado ou pares. Me posiciono politicamente, na condição de cidadão, nas minhas redes sociais particulares.
Não uso termos pejorativos, não calunio, difamo a governadora ou qualquer outra pessoa. Apenas, exponho fatos já publicados por diversos veículos de comunicação.
Os direitos constitucionais devem assistir a todos os cidadãos!
O Policial Militar é cidadão brasileiro, e consequentemente tem tais direitos garantidos na constituição federal.
Liberdade de expressão é um direito tão importante, quanto o direito à vida. E, estes direitos devem ser assegurados.
Lutarei, enquanto tiver fôlego de vida, para que estes direitos sejam assegurados à todo Policial Militar.
Precisamos lutar, pela cidadania do Policial Militar.