CADEIA: Preparador de goleiros do ABC é detido acusado de racismo - Informativo Atitude

CADEIA: Preparador de goleiros do ABC é detido acusado de racismo

O Potiguar marcou o gol da vitória sobre o ABC aos 50 minutos do segundo tempo e a partir do gol de Madson uma grande confusão tomou conta do gramado do Nogueirão.

Vídeos que o blog teve acesso mostram o VP de futebol do ABC, Gustavo Cartaxo sendo contido por PMs e retirado do gramado onde reclamava do árbitro. O dirigente estava descontrolado.

Segundo o jornal De Fato, Francisco Di Assis, o Pombo que é preparador de goleiros do ABC praticou ofensas racistas contra o supervisor do time mossoroense, Sandro Moreira.

As imagens da TCM mostram que Pombo também tentou agredir , o repórter-fotográfico do Potiguar, Léo Moura.

De acordo com o repórter Jakson Capixaba da equipe de esportes da 98 que cobriu o jogo e a confusão que ocorreu no estádio Nogueirão, o preparador de goleiros do ABC foi conduzido pela Polícia Militar para a Delegacia de Plantão de Mossoró,acusado de racismo e de agressão contra um jornalista.

O Potiguar divulgou Nota onde repudia o racismo e cobra providências.

Nota

A Associação Cultural e Desportiva Potiguar é grande não apenas pela sua Torcida e pelas suas conquistas, mas também pela sua batalha contra as mais diversas mazelas que contrariam a ética esportiva e social, dentro e fora do futebol.

Por isso, o Clube Alvirrubro se movimenta e repudia totalmente os atos de racismo protagonizados por um menbro da comissão técnica do ABC Futebol Clube, contra o nosso supervisor Sandro Moreira, no confronto deste domingo, 16, no Nogueirão, pela Copa RN. O Potiguar está #FechadoComOSandro.

O Potiguar comunica que o Departamento Jurídico está prestando queixa e tomando todas as providências e amparando o nosso funcionário nesse momento tão triste do nosso futebol.

Fonte: Portal Grande Ponto