Sesap libera R$ 15 milhões para reduzir superlotação no Walfredo Gurgel

Da Redação do Agora RN

A Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap) liberou recursos do governo do estado para melhorias no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal.

Considerado o maior do estado, o hospital passa por dificuldades de atendimento devido à estrutura. Na última segunda-feira (3), quase 100 pacientes estavam internados nos corredores da unidade.

Saiba mais: Maior hospital público do RN tem quase 100 pacientes em macas nos corredores

Além disso, as macas de 18 viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estavam servindo de “sala de espera”, para que os pacientes ficassem aguardando a liberação de leitos.

Fátima Pereira, diretora do hospital, reconheceu a superlotação da unidade, mas afirmou desconhecer os motivos reais da atual situação.

O secretário adjunto da Sesap, Petrônio Spinelli, disse em coletiva nesta terça-feira (4) que o governo já liberou, este mês, cerca de R$ 40 milhões para a Saúde, oriundos de repasses obrigatórios.

Denúncia

O Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Rio Grande do Norte (Sindsaúde RN) denunciou a situação do hospital, na manhã desta terça-feira (4). Quase 100 pacientes estavam internados em macas espalhadas pelos corredores da unidade.

Ainda de acordo com o sindicato, o Walfredo Gurgel, atualmente, conta apenas 8 técnicos de enfermagem – o que dá uma média de apenas 1 técnico para cada 12 pacientes.