Lamentável: Homem morre na arquibancada e vaquejada segue no Parque Arapuá, em Santo Antônio

Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Homem morre na arquibancada e vaquejada segue com festa ao redor do corpo

Durante toda a tarde desse domingo, 27, um cadáver esteve entre os espectadores de uma vaquejada, no Parque Arapuá, em Santo Antônio, cidade do Agreste Potiguar. Enquanto vaqueiros montados nos cavalos corriam cercando bois na pista de competição, o corpo de um homem esteve presente na arquibancada, e rodeado de pessoas que prestigiavam as disputas, algumas a consumir álcool ao lado do defunto que, depois de um tempo, foi coberto por um lençol.

O homem morreu por volta do meio dia, e já era noite quando o Itep chegou ao local. Na manhã desta segunda-feira, 27, o instituto de perícia, ainda não tinha a identidade do morto no sistema do órgão nem a causa da morte.

Pessoas que estavam na vaquejada afirmaram que o homem morreu vítima de um infarto fulminante. Há relatos de que ele havia ingerido muito álcool enquanto prestigiava o evento.

A vaquejada do Parque Arapuá ofereceu R$ 106 mil em prêmios aos vaqueiros. O evento, aberto com a celebração de uma missa, contou com shows de diversos artistas. Algumas apresentações aconteceram na noite desse domingo, poucas horas após a morte registrada na arquibancada.

Atualização

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) informou que recebeu o chamado para ir até o local da morte somente por volta das 17h. O órgão informou que o homem era Gilson Rodrigues da Silva, de 55 anos, que morava na cidade de Serra de São Bento

Blog Willian Socorrista