Fique Ligado: Fernando Suassuna solta nota sobre uso da Ivermectina

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Diante das publicações veiculadas no dia 19/11/2020 na mídia local, onde noticiaram que supostamente eu havia apontado que era crime não prescrever Ivermectina, esclareço que compareci a entrevista em rádio local agendada pela Prefeitura de Natal (RN) para falar sobre a importância da profilaxia na COVID-19 dentro do protocolo municipal, baseado em evidências observacionais, translacionais e ensaios clínicos, que emonstram a eficácia desta medida no campo da saúde pública.

Destaquei que por se tratar de uma recomendação de um órgão oficial, no contexto da saúde pública, a não observância do referido protocolo poderia ser prejudicial à população, não tendo em nenhum momento intenção de contestar o princípio da autonomia médica e nem muito menos apontar a crime ou criminosos.

Lamento profundamente a distorção do contexto da entrevista onde teve a intenção clara de desvirtuar por completo a realidade fática apresentada no momento. Continuarei envidando todos os esforços necessários para proteger a saúde da população do Município de Natal. Ratifico a importância do uso da Ivermectina, esta que conta com elevado perfil de segurança, juntamente as demais medidas não-farmacológicas de prevenção, e ressalto que atualmente existem inúmeros estudos clínicos que apontam para a eficácia do medicamento na profilaxia e tratamento da COVID-19.

Natal/RN, 23 de novembro de 2020.

Dr. Fernando Antônio Brandão Suassuna

Presidente do Comitê Científico do Município de Natal