Ex-presidiário é torturado até a morte em Santa Cruz

Um agricultor e ex-presidiário foi torturado até a morte no município de Santa Cruz, distante 122 quilômetros de Natal. Uma foto de Carlos André Rocha da Silva, 37 anos, foi divulgada nas redes sociais antes dele ter sido encontrado morto no bairro Paraíso na noite de quarta-feira (18). De acordo com informações repassadas para a polícia, ele teria sofrido torturas.

Carlos André foi morto com golpes de facão e teve uma das mãos cortadas. A polícia investiga as circunstâncias e autoria do crime, que ainda são mistério. A polícia informou que há dois anos, o agricultor foi preso durante 12 meses por agredir uma mulher. Ele era conhecido como “cachorrinho”.

OP9