Jair Bolsonaro prestigia Heleno como fez a Moro

O presidente Jair Bolsonaro tem um jeito próprio de prestigiar ministros e assessores em dificuldades por razões que considera injustas. Após as críticas do filho Carlos ao general Augusto Heleno, ele prestigiou o ministro do GSI levando-o ao Mineirão para o jogo Brasil x Argentina.

Bolsonaro agiu assim com outro ministro em dificuldades, Sergio Moro (Justiça), com quem foi ao Estádio Mané Garrincha para o jogo CSA x Flamengo. Em ambos os casos, com direito a muitos aplausos.