Desgastado e cassado, Marconi Barretto lança nome de Carlos Filho para a eleição suplementar de Ceará-Mirim

Parece que a eleição suplementar em Ceará-Mirim como determinou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nos próximos 90 dias já foi iniciada. O prefeito cassado, Marconi Barretto (PHS) lançou seu secretário de Saúde, Carlos Filho.

O problema em Ceará-Mirim é que Marconi amarga altos índices de rejeição em todas as pesquisas e não reúne hoje condições de apresentar candidato. O áudio que Marconi lança Carlos Filho foi compartilhado nos grupos de whatsapp de Ceará-Mirim.

Robson Pires