Deputada do PT critica pontos da reforma da previdência proposta por Fátima Bezerra

 

Ainda dentro da entrevista ao Meio Dia RN com BG, na 96FM, a deputada federal Natália Bonavides, do PT, criticou alguns pontos da reforma da previdência proposta pela gestão da governadora Fátima Bezerra. A parlamentar, contudo, ponderou que alguns da reforma são obrigatoriedade por exigência da legislação federal.

Entre os pontos apresentados está a taxação de inativos para que eles possam contribuir também para a previdência. Ela lembrou que a reforma não vai equacionar as contas e resolver o problema previdenciário estadual que, a cada ano, aumenta a necessidade de retirar recursos do orçamento para cobrir o rombo previdenciário.

“Taxação de inativos tem que ser revista, tem que ser debatida. Os servidores estão pagando pelos erros de outras gestões. Essa reforma não vai terminar a discussão, porque a proposta de economia que ela traz, não equaciona o problema real que é a desproporção entre inativo e ativo. Não tem nenhuma condição de ter menos gente trabalhando e contribuindo do que a quantidade de gente aposentada. Eu sou contra a retirar direitos dos trabalhadores.

Informativo Atitude:  Ela só não  respondeu como o estado vai pagar esses trabalhadores, essa é mais desorientada que cego em tiroteio, com um discurso ideológico sem eira nem beira.