Tragédia: Policial Civil mata ex-mulher e atinge mais duas pessoas em Florânia - Informativo Atitude

Tragédia: Policial Civil mata ex-mulher e atinge mais duas pessoas em Florânia

Na manhã desta sexta-feira (29), um agente de Polícia Civil matou duas pessoas e depois tirou a própria vida na cidade de Florânia, cidade distante cerca de 230 km de Natal. As vítimas seria a ex-esposa do policial, e um amigo dela. De acordo com relatos, o atirador ainda chegou a ferir uma terceira pessoa, que foi socorrida ainda com vida.

Após matar a ex-companheira, o amigo e balear uma terceira pessoa, o APC Francisco Toscano tirou a própria vida também com um disparo de arma de fogo.

De acordo a Polícia Civil de Florânia, confirmou que Francisco Toscano, era policial civil em atuação no Município, e estava em expediente no momento do crime. Ele saiu da delegacia dizendo que ia a uma diligência, mas foi até a casa da ex-companheira, atirou contra ela e outras duas pessoas e depois tirou a própria vida.

Ainda de acordo com a PC, a ex-mulher de Francisco Toscano tinha uma medida protetiva contra o policial há mais de um ano, e ele era proibido de se aproximar ou manter contato com ela, bem como não podia portar arma em horário de folga, sendo permitido apenas no período em que estivesse de serviço.

Novo Notícias

About The Author