Macaíba: Prefeito busca mais um grande projeto esportivo voltado à juventude

Foto: Sérgio Nascimento

Os macaibenses de 08 a 18 anos poderão contar logo em breve com mais um grande projeto social voltando ao campo esportivo e educacional. Trata-se do Programa Forças no Esporte (PROFESP), desenvolvido pelo Ministério da Defesa, com o apoio da Marinha, do Exército e da Aeronáutica.

E para oferecer mais esse incentivo aos jovens macaibenses, o prefeito Fernando Cunha esteve reunido na manhã desta quarta-feira (28) com representantes da Força Aérea Brasileira que atuam junto ao PROFESP para tratar da implantação do projeto.

Além do gestor municipal, o encontro contou com a participação do gestor nacional do PROFESP, coronel Décio Dias Gomes, e com o gestor do Programa no Norte e Nordeste, Willian da Cunha Silva; com o secretário de Esportes de Macaíba, Flaubert Benício e o professor de Judô, Getúlio Costa.

De acordo com o gestor nacional do PROFESP, coronel Décio Dias Gomes, o antigo aeroporto Augusto Severo vai ser transformado gradativamente num núcleo de atividades paradesportivas, culturais e de cidadania. Inicialmente, o núcleo vai oferecer modalidades olímpicas e paraolímpicas como judô, vôlei sentado, bocha e música, esta última atividade terá como principal parceiro o cantor Waldonys. A ideia, a princípio, é contemplar Macaíba com aproximadamente 40 vagas, no judô, para jovens de 08 e 18 anos oriundos de famílias em vulnerabilidade social do município.

PROFESP

Criado em 2003 pelo Governo Federal, tem por finalidade promover a inclusão social de crianças e adolescentes por meio da prática esportiva orientada, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida, focando no desenvolvimento e acompanhamento de novos talentos e a aproximação das Forças Armadas com a comunidade.

Assim como a inclusão na arte musical por meio de atividades realizadas no contraturno escolar, de caráter complementar, contribuindo para a colocação social, bem-estar físico, promoção da saúde e desenvolvimento de crianças e adolescentes, principalmente em situação de vulnerabilidade social.

Assecom–PMM

Administrador

Deixe uma resposta