Macaíba: Bastidores da Política em… ” Primeira Avaliação do Ano” - Informativo Atitude

Macaíba: Bastidores da Política em… ” Primeira Avaliação do Ano”

O PRIMEIRO DO ANO

Esse é o primeiro Bastidores do ano. Precisei me ausentar um pouco do site para resolver e tentar colocar algumas coisas em ordem. Uma coisa eu garanto a todos, esse ano vai ser um ano de fortes emoções, tenham uma boa leitura e Feliz Ano Novo a todos.

PREOCUPADA

A vereadora Dadaia está preocupada com o seu projeto de reeleição. Segundos algumas fontes, a Vereadora perdeu lideranças importantes, além disso, ela não conta mais com a Presidência da Câmara que na época foi uma peça fundamental na sua votação.  Ainda de acordo com informações, a vereadora estaria tendo até crises de ansiedade com a aproximação o pleito deste ano.

FECHADÍSSIMO

Edi do Posto está fechadíssimo com o projeto de reeleição de Bob Filho (Emídio Júnior). O anuncio foi no finalzinho do ano com direito a vídeo e tudo. Lembrando que nas eleições de 2020, Edi foi vice na chapa encabeçada pela ex-prefeita Marília Dias.

TOMANDO FÔLEGO

Quem tomou um fôlego com relação ao seu projeto de reeleição, foi o vereador Cacau. O danado costurou algumas bases, fez as pazes com algumas lideranças e está conversando com outras. Se ele vai conseguir se reeleger ou não, ainda não dar para saber, mas pelo menos o rapaz acordou para a vida.

TOMANDO FOLÊGO II

Outro que também vem ganhando destaque, é o vereador Jailson Brito. Vereador de primeira viagem, Jailson demorou um pouco a se adaptar ao mundo político, mas hoje vem dando sinais claro que pode renovar seu mandato, e isso foi visto em pesquisas recentes feitas nas redes sociais.

RESSUSCITOU  

Quem também estava com o pé na cova era o vereador João de Damião, muitos estavam dando como certa sua derrota para vereador, outros já o estavam enxergando como um defunto político que estava esperando apenas a chegada do dia das eleições para decretar a sua morte política, mas  como um milagre, João deu sinais de melhora e parece que não vai entregar seu mandato com facilidade. Nós sabemos que na política não existe milagre, mas sim habilidade, comenta-se que o vereador virou o devoto Fiel do Deputado Estadual “São Kleber”. Embora o Santo tenha tido vários apoios de outros vereadores, as únicas orações que ele estaria atendendo são as de João.

ENCONTRO

A oposição se reuniu ontem (10), na inauguração da Master na Loja Janssen Motos. Estavam presentes o pré-candidato a Prefeito Dr. João, o Vice-prefeito Netinho, e diversos pré-candidatos a vereador, como: Wendel Rangel, Clarissa Matias, Ivanildo de Cajazeiras, entre outros.

FIRME E FORTE

Wendel Rangel está firme e forte com Dr. João, o suplente de vereador declarou isso em suas redes sociais.

TROCA

Rita minha Fia deve deixar a política esse ano, pelo menos é o que circula nas rodas de conversas política de Macaíba, mas ela deve deixar o seu filho Raimundo Neto como seu sucessor. Raimundo é popular e carismático, não resta dúvidas que é uma excelente escolha.

IGOR TARGINO PODE SER VICE?

O tabuleiro político começou a se mexer e as peças do tabuleiro vem sendo modificadas nos bastidores. Nosso blog está atento nas mudanças recentes, sabemos do prazo de desincompatibilização para quem deseja ser candidato, levando em conta o cargo de Secretário ou Adjunto, o diário oficial do dia 08 de janeiro traz uma troca que merece um olhar especial, Eliane, esposa do vereador Igor Targino, que estava como Secretária Adjunta, assume cargo de chefia. O Governo Emídio Júnior passaria a contar com mais essa opção, Igor Targino ocupando a vaga de vice-prefeito, deixando o terreno preparado pra sua esposa disputar o cargo de vereador. Isso sendo concretizado, a mesma só precisa se afastar do cargo de chefia 3 meses antes, já o de adjunto são 6 meses necessários, mesmo sendo a mesma nomenclatura CCA e valores iguais. Igor Targino cumpre seu segundo mandato de vereador, e é suplente do Senador Rogério Marinho.

UM CONTO DE CORSINO

A cerca de 23 anos atrás, Fernando lançava sua candidatura à Prefeito de Macaíba. Apesar de ser um moleque na época, eu sempre gostei de política e me lembro de ir a uma sessão onde Gerson disse na câmara que Luizinho abrisse o olho se não ele iria perder a sua reeleição para Dr. Fernando. “Se esse governo não abrir os olhos vai afundar igual ao navio Titanic”, finalizou Gerson. Aí eu lembro de ir até Corsino e perguntar o que ele achava do discurso de Gerson, Corsino então classificou a fala de Gerson como um delírio, “Isso é um delírio de Gerson”. “Olha eu conheço Dr. Fernando é uma pessoa muito boa, mas vai ser esmagado pela máquina quando a campanha começar. Ele não terá nenhuma chance”, finalizou Corsino.   Eu apenas disse que esperava vê-lo no dia da apuração.

Gerson e Corsino

No dia primeiro de Outubro de 2000 eu desço para rua todo animado e me deparo com um mar verde nas ruas, na época era as cores de Luizinho do antigo PMDB, mas quando me aproximo do pessoal, eram todos em um canto só: Dez na mão que era  o dinheiro que eles recebiam para fiscalizar; Quinze  no peito que era a camisa que eles recebiam com o número de Luizinho;  e Doze na cabeça que 12 era o número de Dr. Fernando, que na época era do PDT.  Com o espirito renovado, vou votar no finalzinho da tarde e corro para o colégio ao Alfredo Mesquita para acompanhar a apuração, quando chego tem uma comissão no colégio liderada por  Venício, irmão de Luizinho,  eles estavam fazendo a suma de todas as urnas para antecipar o resultado, eles já haviam perdido na cidade, mas faltavam algumas urnas chegar, o telefone de Venício toca ele recebe a notícia que mesmo se todos os votos que faltam das urnas restantes fosse para Luizinho, ele perderia por quase 800 votos.

Quando viro para o lado, vejo Corsino e o vereador Batista, ambos abraçados e abatidos pelos resultados das urnas. Cosino: “O que foi isso? o que diabos aconteceu?”, lamentava. Nesse momento eu apareço gritando: “A máquina quebrou Corsino e o Titanic afundou e a profecia de Gerson se concretizou”. Lógico que hoje eu jamais faria uma coisa dessas, mas no calor da política e da emoção da vitória, as coisas acontecem.

About The Author