Lockdown: Sindicato quer parar tudo no RN

O juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública de Natal, Luiz Alberto Dantas, abriu um prazo de 48 horas para o Governo do RN e a Prefeitura de Natal se pronunciarem em 48h sobre o pedido de lockdown impetrado pelo Sindicato dos Trabalhadores de Saúde (Sindsaude-RN). O pedido é tão absurdo, que o juiz já deveria ter negado.

Ao abrir o prazo para o pronunciamento, é bom que vamos ter uma resposta do município e do estado a respeito do tema. Não podemos cair na esparrela da paralisação geral. Existe uma indústria da pandemia, uns poucos ganham e a maioria se lasca.

O juiz que pegou o caso é um bom julgador, vai ter a responsabilidade necessário de dizer um não gigante para esses parasitas.

Tudo que envolve o PT pode ter muita sujeira, não duvido da governadora Fátima Bezerra tentar terceirizar a responsabilidade desse pedido para um sindicato amigo.

Tanto Prefeitura, quanto Governo já teriam sido notificados do prazo para a manifestação.

Atestado de Incompetência

O Governo (estadual ou municipal) que se considerar incompetente e referendar o fechamento total pedido pelo sindsaude estará liquidado; pois recebeu dinheiro do Governo Federal e terá que atestar a falta de preparo em gerir recursos públicos e lidar com a pandemia. E não venha com a história que é para salvar vidas esse fechamento, é apenas a industria da pandemia moendo as finanças da população, querem o caos. Todos tiveram tempo para preparar o enfretamento da COVID-19

Isolamento

A Ilha de Fernando De Noronha fez algo parecido, fechou tudo e ninguém entra mais na  ilha. Todos os hotéis e pousadas foram desocupados, aeroportos fechados. Hoje a ilha está sem nenhuma pessoa contaminada. Só que eles não estão imunizados e tem que se manter isolados do mundo por mais 02 ou 03 anos. Após comemorar os números a ilha ficou em silêncio, depois que tomou conhecimento do tempo que  ficará sem contato com o resto do mundo.