Em Natal, Acusado de matar e enterrar menina de 12 anos tem audiência antecipada

Marcondes Gomes da Silva, pedreiro acusado de matar e enterrar a estudante Iasmin Lorena Pereira de Melo, de 12 anos, em março do ano passado, teve sua audiência de instrução e julgamento antecipada do dia 15 de maio para 24 de abril.

A audiência será realizada no Fórum Desembargador Miguel Seabra Fagundes, na zona Sul de Natal. Será de competência do juiz Geomar Brito, da 2ª Vara Criminal de Natal, absolver ou sentenciar o acusado a júri popular.

Relembre o caso

Iasmin foi vista pela última vez com vida no dia 25 de março de 2018. Seu corpo só foi encontrado um mês depois, enterrado no terreno de uma casa em construção na comunidade da África, na Redinha.

Inquérito policial descobriu que o pedreiro Marcondes Silva havia estrangulado a menina com um cabo de aço de bicicleta após ela se recusar a ter relações sexuais com ele. O acusado confessou o crime. Ele foi mantido por alguns meses na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, mas acabou transferido para a Penitenciária Estadual de Parnamirim, em setembro de 2018.

Agora RN

Administrador

Deixe uma resposta