Depois de levar um fora do PT Carlos Eduardo Viaja para Nova York - Informativo Atitude

Depois de levar um fora do PT Carlos Eduardo Viaja para Nova York

Na semana passada, a bancada federal do PT potiguar fez um evento para lançar a revista de prestação de contas do senador Jean Paul Prates, vice-líder da oposição no Senado. A deputada federal Natália Bonavides criticou de público o desejo do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) de ser inserido na chapa do PT: “Já teve Alves demais, senador, nesse Estado”, disse Natália, deixando claro que não aceita o nome de Carlos Eduardo para a chapa.

E no evento, além de Natália Bonavides e Jean Paul Prates, também estavam os deputados estaduais Francisco do PT, líder do Governo na Assembleia Legislativa, e Isolda Dantas, maior liderança do PT em Mossoró. Uma fonte na Governadoria confirmou que o secretário da Casa Civil, Raimundo Alves, tentou minimizar a declaração dos mandatários do PT. “As conversas que o ex-presidente Lula tem feito, a nível nacional, também estão sendo realizadas no Estado. No momento certo, e se o PDT sinalizar, esse debate será feito no PT e no PCdoB e a aproximação será natural, assim como a discussão de chapa, cada coisa no seu tempo”, esclareceu Raimundo ao Agora RN, sem garantir a vaga de senador para Carlos Eduardo.
Advertisement

Todo mundo sabe se governadora Fátima Bezerra (PT) fosse à reeleição, tendo o deputado Walter Alves (MDB) como vice e o primo, Carlos Eduardo Alves (PDT) como senador, por exemplo, era ressurgir a oligarquia Alves, que sempre o PT fez oposição. Carlos Eduardo não tem grupo no interior e em Natal não conta mais com o apoio do prefeito Álvaro Dias e nem da bancada do PDT na Câmara. Além de não reunir, hoje, a base do PDT, Carlos Eduardo não é bem visto na base do PT. Essa semana, o ex-prefeito de Natal sai de cena e segue aos Estados Unidos, com toda família.

Natal em Nova York
Natal nos Estados Unidos é uma experiência marcante. O ex-senador José Agripino e Anita Maia viajam nesta quinta-feira 16 passar Natal com os netos. Oficialmente, o inverno começa apenas no dia 21 de dezembro, porém as baixas temperaturas estão presentes desde o começo do mês. A temperatura média agora em Nova York fica entre 0° / 7°C.

Resistências
Embora venha sendo ventilada a possibilidade de que o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin seja vice do ex-presidente Lula da Silva em 2022, está longe de ser uma unanimidade no PT. Próximos a Lula, o deputado federal Rui Falcão (SP) e o ex-ministro Luiz Marinho, presidente do partido em São Paulo, criticam a ideia. Então, não é só Carlos Eduardo que enfrenta resistências petistas.

União das esquerdas
A executiva nacional do PSOL aprovou iniciar negociações formais para se unir em uma federação à Rede e ao PCdoB. Essas siglas enfrentam problemas para montar nominatas fortes. O PT, que também reuniu sua executiva nacional, se mostrou majoritariamente favorável a seguir as discussões de federação com PSB e outros partidos.

Aguardando decisão
A decisão do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), que validou a lei que criou as federações partidárias, entra em foco no plenário. O ministro estabeleceu que o prazo para que eventuais alianças estejam firmadas é até março do ano que vem. O TSE já elaborou uma minuta da regulamentação das federações, mas houve sugestões dadas pelos partidos. A versão final desse documento ainda não tem data para ser divulgada e também está sob os cuidados de Barroso, que é presidente do TSE. A regulamentação será crucial para que as siglas avancem nas discussões.

Agora RN