Educação Arquivo

A Prefeitura de Macaíba investe na Educação do município e segue com as obras da creche do distrito de Traíras.

A nova unidade de ensino terá capacidade para atender cerca de 250 crianças, com idades entre 2 e 5 anos do distrito e de comunidades vizinhas.

Outras creches já construídas pela Prefeitura são a creche Damiana França Rodrigues, do distrito de Canabrava, a creche Proinfância Profª Eunice Eugênia de Araújo Costa, do conjunto Líbano e novas unidades de ensino estão sendo construídas no distrito de Cajazeiras e no bairro Campo das Mangueiras. Ao todo, mais de 1 mil crianças serão beneficiadas com todas as novas creches.

Prefeitura de Macaíba (Facebook)

Foto: Márcio Lucas/ASSECOM-PMM

Foto: Marcello Camargo/Arquivo/Agência Brasil

O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura homologou, por meio de portaria publicada na edição de hoje (25) do Diário Oficial do Estado do RN, o parecer do Conselho Estadual de Educação que trata da normatização do uso do nome social dos alunos transgêneros da Educação Básica do Sistema Estadual de Ensino. Por meio desta homologação, a pasta busca atuar contra a violência e abandono escola motivados pelo bullying, constrangimento e preconceito. O teor do parecer é válido para todas as escolas, públicas e da iniciativa privada, do estado.

Na rede estadual de Educação, o uso do nome social foi implementado no segundo semestre de 2018. De acordo o Sistema Integrado de Gestão da Educação, no ano passado, 2242 estudantes da rede estadual optaram por utilizar o nome social. “O estudante que deseja utilizar o nome social nos registros escolares encontra as orientações para realizar a alteração do seu nome na própria secretaria de sua escola. Ele pode alterar, inserindo o nome social antes do seu nome civil, ou realizar a mudança do nome, apresentando novos documentos”, explicou Auxiliadora Albano, subcoordenadora de Inspeção Escolar da SEEC.

Por meio do Núcleo Estadual de Educação para a Paz e Direitos Humanos (NEEPDH), a SEEC tem contribuído para a discussão da importância do respeito a diversidade. “Trabalhamos para incorporar as ações de prevenção e educação nos projetos políticos e pedagógicos. O uso do nome social deve estar presente no planejamento das escolas e nos processos formativos das instituições de ensino. Para isso, atuamos juntos as unidades de ensino, contribuindo nesta ação”, destaca João Maria Mendonça, coordenador do NEEPDH.

O texto orienta a realização de reuniões e palestras sobre as resoluções federais que tratam do uso do nome social e defende que os projetos políticos pedagógicos devem ser pensando sobre a ótica desses documentos. Na rede estadual as escolas já são orientadas sobre a maneira de realizar o registro escolar do nome social dos travestis e transexuais, prática, que de acordo do parecer, deve ser expandida para as escolas das demais redes de ensino.

O uso do nome social pode ser requerido por alunos maiores de 18 anos. Os estudantes que tiverem mais de 16 e menos que 18, podem solicitar o uso do nome social, mas devem ser assistidos pelos pais. Já os menores de 16 anos só podem requerer a alteração nominal, representado pelos pais, mediante avaliação de profissionais da área pedagógica, social e psicológica.

“A escola deve ser a casa da acolhida e se assim não o for, não será escola na acepção da palavra. Este é um dos desafios do tempo presente. Não é fácil lidar com os conflitos e os sentimentos na formação de pessoas, para que estas se sintam valorizadas e atuantes no meio em que vivem. Esta é a missão”, destaca Luiz Eduardo Brandão Suassuna, Conselheiro Estadual de Educação e relator do parecer.

Durante a reunião preparatória para as Jornadas Pedagógicas das regionais de educação e cultura e das escolas estaduais, que acontece desde o dia de ontem (24), o tema foi debatido, reforçando as orientações já disseminadas na rede e trabalhando o texto do parecer da CEE.

Informações da SEEC/ASSECOM

Saiba mais sobre este tema aqui: http://agenciabrasil.ebc.com.br/direitos-humanos/noticia/2018-01/mec-autoriza-uso-de-nome-social-na-educacao-basica-para-travestis-e

 

 

A Prefeitura está realizando reformas nas escolas municipais de Macaíba. Os locais estão recebendo manutenção hidráulica, elétrica e pintura. Novos espaços para receber nossos alunos e alunas na volta às aulas.

As unidades de ensino que recebem os trabalhos no momento são a Luíz Cúrcio Marinho, na comunidade indígena Tapará; Maria do Carmo, na comunidade Retiro; Iolanda Chaves, em Lagoa do Mato; Severino Firme, em Lagoa dos Cavalos; Bartolomeu Fagundes, na Reta Tabajara; creche Marliete Freire de Macedo, no Campo da Santa Cruz; Severino Bezerra, no assentamento José Coelho e Alfredo Lira, em As Marias.

Fotos: Márcio Lucas

Prefeitura de Macaíba (Via Facebook)

Foto: Sumaia Vilela/ Agência Brasil

Antes, o procedimento era previsto somente quando o número de faltas ultrapassasse o limite em 50%

O presidente Jair Bolsonaro sancionou uma lei que determina que o Conselho Tutelar seja notificado imediatamente no caso de faltas escolares de alunos dos ensinos fundamental ou médio que ultrapassarem em 30% o percentual permitido pela legislação em vigor.

Segundo a presidente da Comissão de Educação, senadora Lúcia Vânia, a nova lei vai permitir que os alunos sejam acompanhados mais de perto, já que vai ocorrer uma maior interação entre as escolas e os Conselhos Tutelares.

“Isso vai propiciar que o aluno seja acompanhado. Eu não tenho dúvida que, principalmente nos lugares mais longínquos, essa parceria entre a escola e o Conselho Tutelar é fundamental para o acompanhamento do aluno.”

Segundo a diretora do Centro de Excelência e Inovação em Políticas Educacionais da FGV, Claudia Costin, para a plena execução da lei será preciso preparar os Conselhos Tutelares para esta tarefa.

“Existem alguns Conselhos Tutelares que tem atuado de uma forma muito até proativa. Mas, infelizmente, outros não. Então, é importante que os Conselhos Tutelares tenham uma estrutura, mas também uma responsabilidade em relação à aprendizagem de cada criança, porque afinal de contas, aprendizagem é direito da criança e é isso que vai ajudá-la a ser um profissional e um cidadão melhor no futuro, né?”

Lembrando que antes da lei ser sancionada pelo presidente Bolsonaro, o procedimento era previsto somente quando o número de faltas ultrapassasse o limite em 50%.

Agência do Rádio Brasileiro

Foto: Elza Fiúza/Arquivo/Agência Brasil

Os estudantes que acessaram a página do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) na tarde de hoje (22) já puderam ver as notas de corte de cada curso. A informação geralmente é divulgada somente no segundo dia de inscrição, após meia-noite.

As notas de corte podem ser acessadas na parte pública do site, basta fazer uma busca pelo curso desejado. Estão disponíveis as notas para cada uma das modalidades de inscrição, ampla concorrência e ações afirmativas.

As inscrições começaram hoje (22) e podem ser feitas até sexta-feira (25), na página do Sisu. Ao todo, serão ofertadas 235.461 vagas em 129 instituições públicas de todo o país. Podem concorrer às vagas os estudantes que fizeram o Enem 2018 e obtiveram nota acima de zero na prova de redação.

Durante o dia, estudantes reclamaram nas redes sociais da dificuldade em acessar o sistema. “Desde de 9h da manhã tô tentando acessar o site do sisu e nao consigo”, diz uma usuária do Twitter. “Entrar no site do sisu é outra prova impossível”, diz outra.

Em nota, o Ministério da Educação (MEC) diz que o sistema do Sisu registrou uma lentidão na manhã deste primeiro dia de inscrições “devido ao grande número de acessos”. A pasta afirma que o sistema “está em processo de normalização até o final do dia”. Até as 12h, foram realizadas 441.157 inscrições.

Nota de corte

Segundo o MEC, a nota de corte é uma estimativa com base nos candidatos inscritos até o momento. Embora não seja uma garantia da vaga, é possível usar a informação para orientar a escolha.

Durante o período de inscrição no Sisu, o candidato pode consultar, em seu boletim, a classificação parcial na opção de curso escolhido. A classificação parcial é calculada a partir das notas dos candidatos inscritos na mesma opção. Trata-se, assim como a nota de corte, de uma referência e não de um garantia de vaga.

Nesse período, o candidato pode modificar a opção de curso quantas vezes quiser. Será considerada no processo seletivo a última opção confirmada pelo estudante.

Escolhas

Na hora da inscrição, os estudantes podem escolher até duas opções de curso, em ordem de preferência. A principal novidade deste ano é que os estudantes que forem selecionados em qualquer uma das duas opções não poderão participar da lista de espera. Até o ano passado, aqueles que eram selecionados na segunda opção podiam ainda participar da lista e ter a chance de ser escolhido na primeira opção.

O resultado será divulgado no dia 28 de janeiro. A matrícula dos selecionados deve ser feita de 30 de janeiro a 4 de fevereiro.

Do dia 28 de janeiro ao dia 4 de fevereiro, os estudantes que não foram selecionados na chamada regular, em nenhuma das opções, podem manifestar o interesse em participar da lista de espera. Esses alunos serão convocados pelas próprias instituições de ensino a partir do dia 7 de fevereiro.

Agência Brasil

Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante chegada à Suíça. Foto: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro quer aproveitar sua participação no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suiça, para atrair investimentos – em especial no agronegócio.

“Nós queremos mostrar, é nosso interesse especial, que o Brasil tomou medidas para que o mundo restabeleça confiança, que os negócios voltem a florescer entre o Brasil e o mundo, sem viés ideológico, que nós podemos ser um país bom para investimentos, e em especial para o agronegócio, nossas commodities mais caras. Queremos ampliar esse tipo de comércio. Por isso estamos aqui para mostrar que o Brasil mudou”, declarou aos jornalistas em vídeo disponível em sua conta no Twitter, postado após sua chegada na Suíça.

Indagado por jornalistas, o presidente da República não quis antecipar encaminhamento do programa de privatizações. “A gente não vai anunciar particularidades no tocante a isso. A agenda está com nosso chefe da economia, Paulo Guedes, está bastante detalhado nesse sentido e ele vai anunciar a partir do momento que tiver certeza que faremos boas privatizações”.

Jair Bolsonaro ainda informou que o discurso que fará amanhã (22), na abertura do fórum, será “curto, objetivo e claro”. Segundo ele, o texto a ser lido feito e corrigido por vários ministros para que nós déssemos recado mais amplo possível do novo Brasil que se apresenta com a nossa chegada ao poder.

Agência Brasil

Vila Olímpica sediará aulas práticas da capacitação.

Na sexta-feira, 18 de janeiro, teve início a capacitação em paradesporto, promovida pelo Instituto Santos Dumont (ISD) em parceria com a Prefeitura de Macaíba, por intermédio da Secretaria de Esporte e Lazer de Macaíba e a Associação Nacional de Desporto para Deficientes (ANDE).

Durante todo o dia, os participantes puderam entrar em contato com muitas questões relacionadas ao esporte e ao cotidiano de pessoas com deficiência, a partir do tema central “Desafios e perspectivas do treinamento esportivo adaptado: muito além da saúde”. Profissionais que atuam no paradesporto e paratletas dialogaram com o público e trocaram experiências.

O secretário municipal de Esportes e Lazer, Flaubert Benício, destacou a importância do curso para Macaíba. “Os benefícios são vários e todos os parceiros são importantes na realização das atividades. O curso vem para beneficiar a população do município porque vai capacitar para o atendimento às pessoas com deficiência. Uma grande parte dos profissionais que fazem o curso é de Macaíba, trabalham ou residem aqui”, afirmou.

A capacitação tem foco nas práticas e modalidades paradesportivas voltadas a crianças e adolescentes com lesão medular congênita e/ou adquirida, atendidas no Centro de Educação e Pesquisa em Saúde Anita Garibaldi (CEPS). A expectativa é qualificar profissionais interessados em atuar no paradesporto para que, em curto prazo, as práticas desportivas se tornem aliadas no processo de reabilitação desses pacientes.

O curso terá mais quatro encontros, nas seguintes datas: 15/02/19, 23/03/19, 13/04/19 e 25/05/19, em Macaíba (RN).  As aulas teóricas acontecerão no Centro de Saúde Anita Garibaldi e as aulas práticas na Vila Olímpica de Macaíba. Ao final da capacitação, os participantes com pelo menos 75% de presença receberão um certificado.

Essa iniciativa tem apoio do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB); Programa Força no Esporte (PROFESP), do Ministério da Defesa; Instituto Asas para Esporte, Cultura e Cidadania (IAECC) e Ortorio.

Texto com informações da Assessoria de Comunicação do Instituto Santos Dumont (ISD)

Fotos: Ariane Mondo – Ascom ISD  e Tadeu de Oliveira – Assecom-PMM

Assecom-PMM

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) abre inscrições nesta terça-feira (22) e traz novidades. Especialistas entrevistados pela Agência Brasil dão dicas de como usar o sistema e como aproveitar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para garantir uma vaga no ensino superior público.

Pelo Sisu, os estudantes usam a nota do Enem para ingressar em instituições públicas. Nesta edição, são mais de 235,4 mil vagas distribuídas em 129 universidades públicas de todo o país. Logo na inscrição é possível escolher até duas opções de cursos. A lista das vagas pode ser consultada no site do programa.

A principal novidade deste ano é que os estudantes que forem selecionados em qualquer uma das duas opções não poderão participar da lista de espera. Até o ano passado, aqueles que eram selecionados na segunda opção podiam ainda participar da lista e ter a chance de ser escolhido na primeira opção.

“Os candidatos têm que estar atentos a essa mudança. A dica é se inscrever no que realmente deseja trabalhar, entendendo que a universidade é o período em que se vai estudar para ter uma profissão. Tanto a primeira quanto a segunda opção têm que ser marcadas com o que o estudante quer”, diz o coordenador pedagógico do colégio Mopi, Luiz Rafael Silva.

Com o resultado do Enem disponível desde sexta-feira, o analista de ensino superior do Quero Bolsa, Pedro Amâncio, aconselha os candidatos a pesquisar desde já as notas de corte de anos anteriores do curso e da instituição onde desejam ingressar. Além disso, devem analisar se têm possibilidade de estudar em outra cidade, qual o custo de vida e quais as possibilidade de emprego que esse local pode oferecer após formado.

“São várias as variáveis que os alunos têm que olhar na hora da decisão. Acredito que vale a pena olhar para as possibilidades e simulações que a internet proporciona, conversar com amigos. Tudo isso pode ser feito antes da abertura do Sisu”, diz Amâncio. Ele orienta os estudantes a escolherem como primeira opção uma faculdade dos sonhos e, como segunda, uma em que seja possível ingressar.

Notas de corte

Uma vez por dia, o sistema do Sisu divulga as notas de corte de cada um dos cursos disponíveis. Trata-se de uma estimativa com base nos candidatos inscritos até o momento. Embora não seja uma garantia da vaga, é possível usar a informação para orientar a escolha.

“Até o encerramento das inscrições, o estudante consegue observar se há outra instituição, outro turno ou outro estado no qual ele tenha uma colocação melhor, que fique mais próximo da nota de corte”, destaca Silva.

O coordenador pedagógico pondera, no entanto, que a situação pode mudar. Ele tem como prova a própria história. Quando foi aprovado para biologia estava 161ª posição para 35 vagas. “Isso é relativo. É interessante que o candidato consulte a nota de corte dos anos anteriores, quantas chamadas teve naquela instituição, para saber se realmente vai conseguir e até onde pode tentar ficar naquela vaga”, aconselha.

Sisu

As inscrições para o Sisu podem ser feitas de terça a sexta-feira (25). O resultado será divulgado no dia 28. A matrícula dos selecionados deve ser feita do dia 30 de janeiro ao dia 4 de fevereiro.

Do dia 28 ao dia 4 de fevereiro, os estudantes que não foram selecionados na chamada regular, em nenhuma das opções, podem manifestar o interesse em participar da lista de espera. Esses alunos serão convocados pelas próprias instituições de ensino a partir do dia 7 de fevereiro.

Agência Brasil

Foto: Marcello Casal Jr.

As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) estão disponíveis na internet, na Página do Participante e no aplicativo oficial do Enem. Mais de 4,1 milhões de estudantes podem acessar o resultado individual em cada uma das provas: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação.

Para acessar os resultados individuais, é preciso usar a senha criada na hora da inscrição. Caso o participante não se lembre da senha, basta clicar no campo Esqueci minha senha. O estudante deverá, então, confirmar o e-mail cadastrado no sistema para receber uma senha temporária. Quem esqueceu a senha e também não tem acesso ao e-mail cadastrado tem a opção de informar novos contatos para receber a senha temporária.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgará no dia 18 de março o espelho da redação, ou seja, detalhes da correção dessa prova. Isso é feito após os processos seletivos dos programas federais. A correção tem função apenas pedagógica e não é possível interpor recurso.

A nota dos treineiros, aqueles que ainda não concluíram o ensino médio e fizeram a prova apenas para testar os conhecimentos, também será divulgada no dia 18 de março.

O Enem foi aplicado nos dias 4 e 11 de novembro de 2018. Desde o dia 14 de novembro, estão disponíveis as provas e os gabaritos oficiais. Também estão disponíveis vídeos com os enunciados e as opções de respostas da videoprova na Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O que fazer com as notas?

Com os resultados, os estudantes poderão concorrer a vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

O primeiro processo que terá as inscrições abertas é o Sisu. Para participar é preciso fazer a inscrição online no período de 22 a 25 de janeiro. Os estudantes já podem consultar na página do programa as vagas disponíveis. São mais de 235,4 mil, distribuídas em 129 universidades públicas de todo o país. As inscrições para o ProUni poderão ser feitas de 22 a 25 de janeiro e, para o Fies, de 5 a 12 de fevereiro. Além dos programas nacionais, os estudantes podem usar as notas para cursar o ensino superior em Portugal. O Inep tem convênio com 37 instituições portuguesas. A lista está disponível na página da autarquia. Segundo o Inep, atualmente mais de 1,2 mil brasileiros usaram o Enem para ingressar nessas instituições.

Agência Brasil

Os ex-alunos da Escola José Arinaldo, do Loteamento Esperança, João Pedro Alves de Araújo e Maria Clara da Costa Vieira, foram aprovados em terceiro lugar no curso de Edificações, da unidade de São Gonçalo do Amarante.

Maysa Mikaele Maurício de Macedo, ex-aluna da Escola Pinheiro Borges também foi aprovada no curso de Edificações, em quinto lugar, no IFRN Central, em Natal. Agora eles são estudantes de uma das melhores instituições do país. De Macaíba para o mundo! Parabéns!!!

Prefeitura de Macaíba (Via Facebook)

As inscrições para participar da Escola de Música de Macaíba foram prorrogadas até o dia 18 de janeiro (Mais detalhes na imagem anexa à postagem). A Escola conta com aulas gratuitas de canto, violão, violoncelo, trompete entre outros instrumentos para crianças e adolescentes de todo o município.

As inscrições estão sendo feitas na sede da Escola, que fica próxima ao Centro de Cultura de Macaíba. Vale lembrar que o público-alvo prioritário é composto por estudantes da rede pública a partir dos 10 anos de idade.

Prefeitura de Macaíba (Instagram)

A Prefeitura de Macaíba, por intermédio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SMEL), promove um curso gratuito sobre paradesporto para profissionais e estudantes das áreas da saúde e da educação. A iniciativa é realizada em parceria com o Instituto Santos Dumont (ISD) e a Associação Nacional de Desporto para Deficientes (ANDE).

O objetivo é capacitar profissionais interessados em atuar no paradesporto aliando a capacitação à reabilitação da população assistida pelo curso, expandindo tanto a iniciativa como a prática esportiva. O curso contará com cinco encontros, sendo o primeiro no próximo dia 18 de janeiro, uma vez por mês, até o dia 17 de maio, com aulas teóricas e práticas. As aulas teóricas acontecerão no Centro de Saúde Anita Garibaldi e as aulas práticas na Vila Olímpica de Macaíba. Haverá emissão de certificado para os concluintes.

As atividades contarão com a participação de profissionais das Estratégias de Saúde da Família (ESF), do Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF) de Macaíba, de estudantes e pesquisadores do Instituto Internacional de Neurociências Edmond e Lily Safra (IIN-ELS) e da equipe do Centro de Saúde Anita Garibaldi.

O curso também conta com o apoio do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Programa Força no Esporte (PROFESP), Ministério da Defesa e Instituto Asas para o Esporte, Cultura e Cidadania (IAECC). As inscrições podem ser feitas até o dia 15 de janeiro de 2019 via formulário online: https://goo.gl/forms/bfjNP7L4x9w5VGV43.

No dia dos encontros, os inscritos devem levar um quilo de alimento não perecível para doação às instituições que promovem atividades paradesportivas no Rio Grande do Norte. A programação preliminar do curso pode ser conferida no site do Instituto https://bit.ly/2AH4YLe.

Assecom-PMM

Os estudantes Camilla Ferreira de Sena e José Francinaldo da Cunha Soares, da Escola Municipal José Arinaldo, foram aprovados no exame de seleção do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN).

Camila e José foram aprovados em primeiro lugar nos cursos de Logística e Edificações, respectivamente. Os dois são moradores do Loteamento Esperança, estudavam o 9º ano na escola local e agora vão estudar os cursos técnicos integrados ao Ensino Médio em uma das melhores instituições do país. Parabéns!!!

Prefeitura de Macaíba (Via Facebook)

Foto: Arquivo/Agência Brasil

Desde o dia 1º, o piso salarial do magistério está em R$ 2.557,74, o que representa um aumento de 4,17%, segundo o Ministério da Educação MEC).

O valor corresponde ao vencimento inicial dos profissionais do magistério público da educação básica, com formação de nível médio, modalidade normal, jornada de 40 horas semanais.

De acordo com o MEC, esse formato para correção do piso salarial é utilizado desde o ano de 2010.

EBC

Comunidade escolar de cada unidade de ensino elegeu gestores para o biênio 2019-2020

A Prefeitura de Macaíba, por intermédio da Secretaria Municipal de Educação (SME), realizou a solenidade de posse dos diretores e vice-diretores de 41 escolas municipais da rede pública macaibense, das zonas urbana e rural, na manhã desta segunda-feira (07), no centro de convivência Pax Club. Os gestores foram eleitos para dois anos de mandato, o biênio 2019-2020, em eleições diretas nas escolas, que aconteceram entre os dias 5 e 6 de dezembro de 2018 e contaram com os votos de pais, estudantes, professores e funcionários.

Na solenidade estiveram presentes o vice-prefeito Auri Simplício, os secretários municipais de Educação, Domingos Sávio e de Cultura e Turismo, Marcelo Augusto Medeiros; as vereadoras Rita de Cássia e Socorro Nogueira; Joseane Lima, coordenadora da Secretaria Municipal de Educação; Maria das Graças Bezerra dos Santos, representante da Comissão Eleitoral; José Monteiro Neto, membro da Comissão Eleitoral e Adriana Lima de Araújo, representante do Sindicato dos Servidores Públicos de Macaíba (Sinsemac).

Durante a solenidade de posse, o secretário Domingos Sávio destacou, entre outros assuntos e informações, a importância da participação dos familiares e da sociedade na escola. “Todos somos responsáveis pela Educação no Brasil. O poder público faz uma parte do processo. Mantém uma estrutura gigantesca, dispõe do trabalho heroico de professores, coordenadores, gestores, auxiliares de serviços gerais, porteiros, merendeiras, secretários de escola, que compõem a imensa máquina administrativa da cidadania”.

“Porém, é imprescindível que se intensifique a participação da família e da sociedade. A conclamação de todos ao aperfeiçoamento do sistema é fundamental para que Macaíba possa oferecer resultados ainda melhores do que os já obtidos. Quero desejar a todos muito trabalho, uma gestão de muita luz no caminho para superar as dificuldades”, afirmou.

Fotos: Márcio Lucas

Assecom-PMM

A Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte abriu a IX Seleção Simplificada para estagiários do curso de Direito. A seleção será destinada a formação de cadastro reserva para atuação nos núcleos de Ceará-Mirim, Macaíba, Santa Cruz e Currais Novos. O edital completo está disponível no site www.defensoria.rn.def.br, na aba Serviços. As inscrições podem ser feitas a partir desta segunda-feira, 07 de janeiro, até o dia 11 de janeiro de 2019 gratuitamente através de e-mail.

O Teste Seletivo consistirá em uma avaliação das notas do candidato em seu histórico universitário e do Índice de Rendimento Acadêmico (IRA) ou outro indicador equivalente. No e-mail de inscrição, o candidato deverá apresentar cópias do RG e CPF, histórico escolar atualizado subscrito pela Coordenação de Ensino, além da declaração de ciência de que só pode ocupar o cargo caso comprove estar matriculado no 3º, 4º ou 5º ano do curso de bacharelado em Direito mantido por estabelecimento de ensino reconhecido pelo MEC. O candidato poderá concorrer à vaga em mais de um Núcleo, devendo enviar mensagem específica para o e-mail de cada Núcleo com a documentação completa.

Os candidatos que pretendem concorrer às vagas reservadas às pessoas com deficiência deverão enviar, no e-mail da inscrição, o laudo médico original ou cópia simples de acordo com o Edital 01/2019. Ao todo, 10% das vagas serão destinadas para candidatos portadores de deficiência que atendam as exigências expressas no Edital.

Os candidatos selecionados terão um contrato de um ano prorrogável por igual período. Os estagiários da Defensoria Pública do Rio Grande do Norte atuam no turno matutino com carga horário de 30h semanais e recebem uma bolsa mensal de um salário mínimo mais auxílio-transporte, não originando nenhum vínculo empregatício com a instituição. O resultado da seleção será divulgado no site da Defensoria Pública do Estado e no Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Norte.

 

SERVIÇO:

IX SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ESTAGIÁRIOS DE DIREITO DA DPE/RN

INSCRIÇÕES: 07 A 11 DE JANEIRO DE 2019

E-MAILS:

cearamirim@dpe.rn.def.br

curraisnovos@dpe.rn.def.br

macaiba@dpe.rn.def.br

santacruz@dpe.rn.def.br

Portal da Defensoria Pública do RN

O Programa de Pós-Graduação em Gestão Pública (PPGP), do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), divulgou o edital para o processo seletivo do mestrado profissional em Gestão Pública. As inscrições acontecerão de 2 a 31 de janeiro de 2019, através do Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa), na opção Processos Seletivos do menu Stricto Sensu.

Os interessados devem anexar todos os documentos necessários, especificados no Edital 02/2018-PPGP. Serão ofertadas 16 vagas, sendo quatro reservadas para servidores do IFRN, três para a UFRN, duas para a Assembleia Legislativa e sete para livre demanda de candidatos que comprovem vínculo com o serviço público em qualquer esfera (municipal, estadual ou federal), que desenvolvam atividade de gestão comprovada pela sua instituição de origem e que não estejam vinculados com as outras instituições citadas no edital.

A seleção será realizada em quatro etapas: teste da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (Anpad), redação, análise do anteprojeto e entrevista técnica de defesa do anteprojeto de intervenção ou de dissertação de mestrado.

Todas as normas sobre a seleção estão disponíveis no edital. Outras informações podem ser consultadas com a secretaria do PPGP, pelo telefone (84) 3342-2288 (ramais 188 ou 189), e-mail ppgp.ufrn@gmail.com  ou através do site do programa.

Portal UFRN

Foi finalizado neste sábado (29/12) na sede do NEM, o 6º Campeonato Macaibense Absoluto de Xadrez. A prova contou com a participação de 22 enxadristas e teve Diogo Roger como o Campeão de 2018 ao fazer 4.5/5 de forma isolada, seguiu o podium com Caciano Soares e Jussier Cabral com 4.0 pontos e melhores critérios para Caciano. Nas demais classificação tivemos …

Feminino – Campeã Radyja Amador, 2º lugar – Luiza Carollyne e 3º lugar – Ingryd Beatriz

Sub 16 – Campeão Igor Cardoso, 2º lugar – José Carlos e 3º – Lucas Felipe.

Blog do NEM – Núcleo Enxadrístico de Macaíba

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) participa do Estudo GUESSS Brasil, cuja proposta é saber a abrangência do empreendedorismo para os estudantes universitários. A pesquisa concentra-se na caracterização das condições da educação superior brasileira, no que se refere à escolha de carreira, o interesse em ser empreendedor e as atividades de preparação e realização ligadas a esta opção.

O objetivo central do estudo é gerar conhecimento para a melhoria da formação universitária nacional ao tratar desses temas. Para responder à pesquisa, é só clicar no link. Os participantes concorrerão a prêmios ao final da pesquisa em 28 de fevereiro de 2019.

O projeto Global University Entrepreneurial Spirit Students Survey (GUESSS) tem como objetivo investigar as intenções de escolha de carreira e atividades profissionais dos alunos. Os dados recolhidos serão utilizados apenas no projeto GUESSS, para fins acadêmicos, e não serão transferidos para terceiros. No questionário, também é solicita informações pessoais sobre o aluno (por exemplo: idade, sexo e religião). A resposta a estas questões é facultativa. É possível responder ao questionário sem indicar seu nome e sem fazer qualquer registro. Toda a informação é anônima e é garantida a confidencialidade.

O estudo busca caracterizar as condições do ensino ligado ao empreendedorismo em variadas áreas de formação superior, da matemática à sociologia, da medicina à teologia e da administração aos Estudos Internacionais. Na UFRN, o estudo é coordenado pelo professor Marcelo Rique Carício, docente da área de empreendedorismo do Departamento de Ciências Administrativas (Depad) e vinculado ao Mestrado Profissional em Gestão de Processos Institucionais (MPGPI).

Informações da Agecom/UFRN

A noite desta segunda-feira (17/12) foi de orgulho para diversas famílias macaibenses, ocasião em que alunos da Escola de Música de Macaíba, acompanhados de seus professores (da UFRN) puderam mostrar aos seus parentes e ao público em geral, através de um recital, o seu aprendizado na instituição, que é coordenada pela Prefeitura de Macaíba, através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

A Escola de Música beneficia centenas de adolescentes da rede pública municipal de ensino e do SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos) com aulas de diversos instrumentos. Eles têm aulas em regime de contraturno com instrumentos como violão, guitarra, bateria, saxofone, violino, dentre outros. O recital marcou o encerramento do Ano Letivo 2018.