Educação Arquivo

O Cursinho popular do DCE vai começar as matrículas para as turmas de 2018 na próxima segunda-feira, 15, das 9h às 16h. As vagas são limitadas e voltadas para todos os estudantes que concluíram ou que estão concluindo o ensino médio, principalmente alunos da rede pública.

O projeto já existe há mais de 20 anos e usa a infraestrutura da UFRN para promover a democratização do ensino superior, oferecendo preparação para o ENEM com qualidade e baixo custo. Além disso, o Cursinho também é um espaço de aprendizado para vários estudantes da universidade, que atuam como professores e coordenadores no projeto.

Os interessados devem se dirigir a sede do Cursinho, localizada no Setor de aulas 1 da UFRN, portando RG, CPF e comprovante de residência – não é necessário levar cópias dos documentos. A matrícula custa R$ 120 e já inclui a primeira mensalidade e material didático. As demais mensalidades terão o valor de R$ 75.

Mais informações aqui e aqui ou através do telefone: (84) 3215-3324.

Portal UFRN

No início da tarde desta quarta-feira (10), os secretários municipais de Cultura e Turismo (Marcelo Augusto Bezerra) e de Desenvolvimento Econômico (Edvaldo Marinho de Sousa) de Macaíba estiveram visitando as ruínas do maior empório comercial do Rio Grande do Norte no século XIX, o empório de Guarapes, mais conhecido como Casarão dos Guarapes.

A visita teve como objetivo averiguar a situação do local, que necessita de uma atuação urgente dos órgãos de gestão cultural do Estado para que possa ser restaurado e transformado em um atrativo espaço turístico, haja vista a sua importância histórica e cultural para Macaíba e para o próprio Rio Grande do Norte.

O espaço em que o prédio se encontra encravado pertence ao Governo do Estado, uma vez que já foi desapropriado e tombado pelo patrimônio estadual com o intuito de preservar a história e manter viva a saga comercial ali vivida. O empório pertenceu ao notável comerciante paraibano Fabrício Gomes Pedroza, avô dos ilustres: Alberto Maranhão, Pedro Velho e Augusto Severo, entre outros, tendo sido responsável pela fundação da cidade de Macaíba.

Luta pela restauração

Por diversas vezes, a Prefeitura de Macaíba participou de conversas quanto à sua restauração, inclusive sugerindo que o espaço sediasse o Memorial do Comércio Potiguar e fosse entregue a Fecomércio/RN para que a entidade administrasse o Casarão, a exemplo do que ocorreu com o Solar Bela Vista que hoje é administrado pela FIERN.

Nesse sentido, o secretário de Cultura e Turismo de Macaíba afirmou: “O local é um marco da história de Macaíba e do RN e, portanto, merece uma atenção maior de todas as autoridades que fomentam a cultura de preservação do patrimônio do Estado”.

Assecom-PMM

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) inicia nesta quarta-feira, 10 de janeiro, o prazo para matrículas de alunos regulares e especiais, para o primeiro semestre letivo de 2018. Os estudantes podem solicitar as matrículas em componentes curriculares até 19 de janeiro via Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa).

O processamento das matrículas ocorre nos dias 24 e 25 de janeiro. A solicitação de rematrícula acontece nos dias 19 e 20 de fevereiro. Aqueles que forem indeferidos ou perderem os prazos, podem solicitar a matrícula extraordinária de 26 de fevereiro a 17 de março.

As aulas têm início no dia 19 de fevereiro. O calendário universitário de 2018 que estabelece data de eventos, feriados e atividades acadêmicas da UFRN durante todo o ano está disponível aqui.

Agecom UFRN

O Governo do Estado por meio do Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) e do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) realizaram no sábado (06) mais uma ação educativa dentro da Operação Verão. As intervenções foram organizadas para atender os veranistas com informações educativas de trânsito e de meio ambiente na área do litoral Sul. A blitz pedagógica montada na estrada de Pium, em Parnamirim, contou com o apoio do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE) e abordou cerca de 500 condutores na ida para as praias.

Cerca de 10 técnicos da Coordenadoria de Educação e Fiscalização de Trânsito do Detran mais servidores do setor de Educação ambiental do Idema orientaram os motoristas durante a blitz educativa. Os condutores foram informados sobre conceitos preventivos relacionados a evitar acidentes de trânsito e reforçado alertas sobre a responsabilidade de não dirigir sob efeito de álcool. Outros pontos focados pelos técnicos do Departamento foram o perigo do uso do celular enquanto dirige, como também a proibição de trafegar na faixa de areia de praia com automóvel não autorizado.

Já a equipe de educação ambiental do Idema trabalhou orientando os veranistas sobre a importância de depositar o lixo no lixo, de evitar a poluição das praias e distribuiu para os motoristas sacolinhas para o descarte dos resíduos sólidos de maneira segura e sem agredir o meio ambiente.

Os motoristas receberam folders informativos com dicas e posturas corretas no trânsito, além de mensagens educativas passadas de maneira lúdica pela trupe de teatro do Detran. A ação reforça a campanha do Detran denominada “Infrator ou vítima, quem é você quando bebida e direção se misturam?”. A campanha busca evitar ocorrências de acidentes envolvendo motoristas sob influência de álcool e com isso preservar vidas.

A blitz ainda levou aos condutores informes básicos sobre punições administrativas referentes a valores de multas e perda de pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para aqueles que desrespeitam o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Nesse sentido, a ideia é conscientizar que não vale a pena infringir as regras colocando vidas em perigo e respondendo administrativamente e até penalmente devido infrações de trânsito.

As blitzen educativas realizadas pelo Detran e Idema fazem parte de um termo de cooperação técnica direcionado a realização de ações de educação e fiscalização de condutores e veículos firmado entre os órgãos mais a Secretaria Estadual de Turismo (Setur). A medida busca coibir a prestação do serviço de buggy-turismo por pessoas e veículos não credenciados, como também combater a prática de direção perigosa e zelar pelo respeito as normas ambientais, pela legislação de trânsito e pela segurança no tráfego.

Via ASSECOM-DETRAN/RN

O Programa de Pós-Graduação em Gestão Pública (PPGP), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), está com inscrições abertas para turma de ingressantes 2018 no mestrado profissional em Gestão Pública.

A seleção ocorre em quatro etapas: Teste da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (Anpad); redação; Análise do Anteprojeto; e defesa do anteprojeto de proposta de intervenção ou anteprojeto de dissertação de mestrado.

São oferecidas três vagas para a UFRN, dez vagas para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe (IFS) , sete vagas para servidores da Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Norte e três vagas de livre demanda para servidores públicos efetivos, que se encontram em exercício de atividade de gestão.

As inscrições devem ser realizadas via Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa) através deste link. Mais informações podem ser obtidas no edital ou ainda pelo e-mail capacitacao@reitoria.ufrn.br .

Agecom UFRN

Foto: Arquivo/Assecom/Prefeitura de Macaíba

Inscrições estão sendo feitas de casa a casa em três localidades

A Prefeitura de Macaíba vai proporcionar neste mês de janeiro de 2018 uma colônia de férias para as crianças e adolescentes cadastrados no SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos). O local escolhido para tanto foi a Vila Olímpica da cidade, que os receberá entre os dias 15 e 19.

As inscrições estão sendo feitas em três localidades periféricas por profissionais da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (SEMTAS). Ontem (04) e hoje (05), uma equipe da SEMTAS esteve no Campo das Mangueiras de casa a casa fazendo as inscrições. Na próxima semana, entre 08 e 09, será a vez das Campinas; e entre 10 e 11, a Morada da Fé.

De acordo com Thiago Sanderson, coordenador do SCFV, os participantes da colônia de férias denominada “Verão SCFV” terão transporte e refeições (almoço e lanche), além de uma série de atividades esportivas e socioculturais.

Sobre o SCFV

O SCFV é um serviço federal que se constitui no reordenamento do antigo PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) e do Projovem. Em Macaíba, sob a coordenação da SEMTAS, atende mais de mil crianças e adolescentes entre 7 e 17 anos com diversas atividades educativas, sociais, culturais e de saúde ao longo do ano.

Os pais ou responsáveis que desejarem inscrever seus filhos no SCFV devem procurar a sede do serviço, que está localizada na Rua Professor Paulo Mesquita, nº 100, Conjunto IPE, Centro, no horário de 8h às 12h e de 13h às 17h. A documentação necessária é: cópia do RG da criança ou adolescente, NIS e cópia do comprovante de residência do pai ou responsável.

Assecom-PMM

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) realiza a quarta edição da campanha Janeiro Branco, que acontece pela quinta vez no Brasil e neste ano adota o slogan “Quem cuida da mente, cuida da vida”. O projeto desperta a reflexão e o desenvolvimento de ações voltadas à saúde mental, com uma programação especial na UFRN durante o mês de janeiro para convidar as pessoas a pensar em suas vidas, emoções, relacionamentos, sentimentos e sonhos para 2018.

O Serviço de Psicologia Aplicada (Sepa) e o Núcleo de Apoio ao Discente (Nadis) da UFRN promoverão bate-papos e meditação junto à comunidade universitária, entre os dias 15 e 19 no Campus Central e de 22 a 26 de janeiro nos hospitais universitários. Entre os assuntos abordados estarão conversas sobre depressão, ansiedade, a mulher universitária, saúde no trabalho, além da apresentação do documentário “Entrelaços”. A iniciativa conta com apoio da Diretoria de Atenção à Saúde do Servidor (DAS), que ganha decoração sobre a campanha e ainda promove uma oficina de Arteterapia no dia 25.

A Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Proae), por meio da Coordenadoria de Atenção à Saúde do Estudante (CASE), também adere ao Janeiro Branco com a divulgação de material informativo em redes sociais e sites da universidade. Após o retorno às aulas, em fevereiro, serão realizadas rodas de conversa e esclarecimentos sobre os cuidados com a saúde mental em diversos pontos da UFRN, entre eles a residência universitária, sala de espera da Proae e centros acadêmicos.

Outras informações sobre o Janeiro Branco estão disponíveis na página http://janeirobranco.com.br/.

ASCOM – Reitoria/UFRN

José Aldenir/Agora Imagens

Agora RN – O governador Robinson Faria (PSD) sancionou uma lei que torna obrigatória a instalação de câmeras e centrais de monitoramento de segurança nas dependências e áreas adjacentes de todas as escolas públicas estaduais. O texto da matéria foi publicado na edição desta quarta-feira, 3, do Diário Oficial do Estado.

Segundo a lei, a instalação dos equipamentos deverá considerar proporcionalmente o número de alunos e funcionários existentes na unidade escolar, bem como as características territoriais e dimensões, respeitando as diretrizes estabelecidas na Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). As câmeras deverão apresentar também recurso de gravação.

No texto sancionado pelo governador, é estabelecido ainda que escolas localizadas nas áreas de risco onde são constatados os mais altos índices de violência deverão ter prioridade na implantação das câmeras. A lei deve ser regulamentada em até seis meses.

Há 610 escolas públicas estaduais no Rio Grande do Norte. De acordo com a Secretaria Estadual de Educação e Cultura (SEEC), os detalhes da implementação das câmeras serão definidos no prazo estipulado na lei (seis meses), porém, a pasta garantiu que as primeiras unidades a receberem as câmeras serão as localizadas nos municípios de Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante e Macaíba – que atualmente já são interligadas por rede de fibra óptica, dentro do programa “Giga Metrópole”.

Em seguida, segundo a SEEC, os equipamentos serão instalados nas escolas das outras cidades da Região Metropolitana, o que vai garantir que um terço das unidades escolares do estado sejam monitoradas. A última etapa, que será definida no primeiro semestre de 2018, será a instalação nas unidades do interior do estado.

O Estado ainda não tem previsão de quanto será gasto na instalação dos equipamentos.

Cerimônia contou com a presença do prefeito Fernando Cunha e vários vereadores

Na manhã desta quarta-feira (03), os novos gestores e vice-gestores de 20 escolas públicas municipais de Macaíba eleitos democraticamente por votação em dezembro passado foram empossados em uma cerimônia realizada no Pax Club. Os nomes dos vencedores podem ser conferidos no Boletim Oficial Ano VIII, Nº 1393, de 15 de dezembro de 2017. Acesse-o aqui: http://bit.ly/2kdNmhX

A partir de agora, serão 24 escolas administradas por gestores eleitos por meio de voto. Em 2016, 4 escolas tiveram eleições, tornando-se pioneiras nesse processo. O município totaliza 43 escolas, e a previsão é que todas elas realizem eleições ainda neste ano de 2018, onde os eleitos terão direito a um mandato de 2 anos. Esses pleitos ocorrem em consonância com a Lei Municipal nº 1.831/2016.

A cerimônia de hoje contou com a presença do prefeito Fernando Cunha; do vice-prefeito Auri Simplício; dos vereadores Gelson Lima (presidente da Câmara Municipal), Edma Maia, Ismarleide Fernandes, Netinho França e Dr. Antônio; do secretário municipal de Educação, Domingos Sávio; do presidente da Comissão Eleitoral do Pleito para Gestores Escolares, José Monteiro; e do presidente do Sinsemac (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Macaíba), José Alcântara.

No ensejo, Domingos Sávio parabenizou os eleitos e destacou a importância do diálogo entre as escolas e a Secretaria Municipal de Educação. Além disso, referiu que estão assegurados para este ano letivo o fardamento do alunado, o material didático da Educação Infantil e a reforma de mais de 20 escolas.

Já o prefeito Fernando Cunha reiterou o trabalho de sua gestão na área da Educação, citando projetos e ações relevantes como as atividades desenvolvidas na Vila Olímpica e na Escola de Música, que juntas beneficiam milhares de alunos da rede pública municipal em regime de contraturno.

Assecom-PMM

Confira abaixo mais fotos do evento:

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), com recursos do Fundo de Apoio à Extensão (FAEX), está com inscrições abertas para seleção de propostas de financiamento para ações de extensão, que estejam inseridas na modalidade de projetos, a serem executados no ano de 2018.

A seleção é aberta à comunidade universitária, podendo inscrever propostas de extensão professores e técnicos-administrativos com nível superior e pertencentes ao quadro efetivo da UFRN. As propostas devem estar enquadradas em alguma das seguintes áreas temáticas: Comunicação, Cultura, Direitos Humanos e Justiça, Educação, Meio Ambiente, Saúde, Tecnologia e Produção, e Trabalho.

Para inscrever um projeto de extensão no processo seletivo, o interessado deve entrar com seu login no portal do Sigaa, seguir as opções Extensão > Submissões de Propostas > Submeter nova Proposta > Projeto, e preencher o formulário disponibilizado na página. A inscrição fica aberta até o dia 8 de fevereiro de 2018.

As propostas serão avaliadas pela Comissão de Extensão e o resultado final da seleção será divulgado no dia 4 de março. Os projetos aprovados serão executados entre março e dezembro de 2018. O edital, com outros detalhes da seleção, pode ser acessado por meio deste link.

Agecom UFRN

O Programa de Pós-Graduação em Ciências Econômicas (PPEco), do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), da UFRN, abre inscrições para o processo seletivo do mestrado acadêmico em Economia com área de concentração em Economia Regional. São ofertadas 7 vagas para graduados em Ciências Econômicas, ou áreas afins, com ingresso no primeiro semestre de 2018.

As inscrições devem ser feitas a partir do portal de Processos Seletivos Stricto Sensu, no Sigaa, até o dia 19 de janeiro. O candidato deve inserir os seguintes documentos, no sistema: diploma de Graduação ou declaração de conclusão de curso de Graduação, Histórico Escolar do Curso de Graduação, Currículo no formato da Plataforma Lattes, RG e CPF, fotografia recente no formato 3×4, Comprovante de quitação eleitoral e Comprovante de Quitação Militar (quando pertinente).

A taxa de inscrição é de R$ 50 (cinquenta reais) e o comprovante deve ser enviado para o e-mail: ppeco@ccsa.ufrn.br. A seleção será realizada através de prova de conhecimentos específicos (múltipla escolha e dissertativa) e análise curricular. Todas as normas da seleção estão disponíveis no edital do processo seletivo.
Outras informações podem ser obtidas no site do PPEco ou através do telefone (84) 3215-3512.

ASCOM/CCSA

Brasília – O ministro da Educação, Mendonça Filho durante a Cerimônia de Homologação da Base Nacional Comum Curricular (Wilson Dias/Agência Brasil)

O Ministério da Educação anunciou, nesta quinta-feira (28) que o piso salarial dos professores será reajustado em 6,81% a partir de janeiro de 2018.

O valor é 4% acima da inflação anual medida pelo IPCA. Desde 2009, o reajuste do salário-base dos professores é determinado por lei, considerando o índice de crescimento do valor mínimo gasto por aluno.

Com o aumento, o piso passa a ser de R$ 2.455 para a jornada de 40 horas semanais.

Heleno Araújo, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação, comenta que o valor ainda está abaixo da média paga a outros profissionais com o mesmo nível de formação. Confira na reportagem de Samanta do Carmo.

EBC

Maioria das visitas foi de caravanas escolares

O ano de 2017 chega ao fim revelando um recorde histórico para o Museu Solar Ferreiro Torto, em Macaíba. O local recebeu alcançou pela primeira vez em sua história um número maior do que 10 mil visitas anuais, mais precisamente 10.382 visitantes até a data de ontem, 27 de dezembro, de acordo com dados informados pelo secretário municipal de Cultura e Turismo, Marcelo Augusto Bezerra.

A maioria dessas visitas deve-se às caravanas escolares vindas de cidades vizinhas, incluindo a capital potiguar – Natal – e de diversas outras partes do Rio Grande do Norte, como o Seridó e a Região Oeste. Em seguida, vem o público da terceira idade. Outra parcela significativa é a dos profissionais de fotografia, relatou o secretário Marcelo.

Para 2018, Marcelo Augusto explicou que a sua pasta pretende ofertar cursos de qualificação para guia turístico, capacitando os funcionários que trabalham no local para atender a crescente demanda de público. Também serão formados guias-mirins em parceria com o 138º grupo de escoteiros Augusto Severo, que tem sede no local.

É importante frisar que, a partir de amanhã (29/12), o Solar Ferreiro Torto entra em recesso para visitações, retornando à sua rotina habitual no próximo dia 09 de janeiro.

“É uma satisfação muito grande para a Prefeitura de Macaíba ter batido esse recorde de mais de 10 mil visitantes no ano de 2017. E para 2018, as ações traçadas e planejadas junto com Dr. Fernando, nós vamos cada vez mais incrementar e, certamente, aumentar esse número. Essa é a tendência, pois sabemos de sua importância, já que ali é um sítio arqueológico, um marco zero da colonização de Macaíba e também o segundo engenho da então capitania do Rio Grande. Então, temos muita história para contar.”, declarou Marcelo Augusto.

Solar Ferreiro Torto

Patrimônio histórico tombado pela Fundação José Augusto, o Museu Solar Ferreiro Torto abriga em seu acervo 250 fotografias de personalidades e momentos da história política, social, econômica e religiosa de Macaíba. O espaço foi reinaugurado como complexo turístico e cultural em 2003, na administração do prefeito Fernando Cunha.

Um dos mais belos espaços públicos do estado, às margens do Rio Jundiaí, o local, que abrigou o segundo engenho da capitania do Rio Grande do Norte, também conta uma rica diversidade de espécies de fauna e flora como aves, crustáceos, palmeiras-imperiais e coités.

O Solar está aberto para visitação das 8h às 16h, de terça a sexta e sábado e domingo, das 9h às 15h. Para agendar uma visita ao local, basta ligar para o número 3271-6524 ou para a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo pelo número 3271-6562.

Assecom-PMM

Foi num clima de paz e descontração que se realizou o encerramento das atividades do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos de Macaíba (SCFV) neste ano de 2017. O serviço atende a mais de mil crianças e adolescentes de 7 a 17 anos, proporcionando-lhes atividades recreativas, educativas, culturais e socioassistenciais.

O projeto, que é o reordenamento do antigo PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) e do Projovem, é coordenado pela Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social. O objetivo maior é promover o bem-estar social mantendo os jovens longe das situações de risco social.

Muitas mães foram conferir de perto uma exposição mostrando as principais atividades desenvolvidas ao longo do ano. A sede do serviço está localizada na Rua Professor Paulo Mesquita, no Conjunto IPE.

Já o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) atua como a principal porta de entrada do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), sendo responsável pela organização e oferta de serviços da Proteção Social Básica (PSB) nas áreas de vulnerabilidade e risco social.

Além de ofertar serviços e ações de proteção básica, o CRAS possui a função de gestão territorial da rede de assistência social básica por meio do incentivo à organização e à articulação das unidades a ele referenciadas e o gerenciamento dos processos nele envolvidos. Por meio do CRAS, dezenas de mulheres têm acesso a acompanhamento social e atividades profissionalizantes. Em Macaíba, são duas unidades: Tavares de Lyra e Fabrício Pedroza.

 

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), com recursos do Fundo de Apoio à Extensão (FAEX), está com inscrições abertas para seleção de propostas de financiamento para ações de extensão, que estejam inseridas na modalidade de projetos, a serem executados no ano de 2018, no âmbito da UFRN.

A seleção é aberta à comunidade universitária, podendo inscrever propostas de extensão professores e técnicos-administrativos com nível superior e pertencentes ao quadro efetivo da UFRN. As propostas devem estar enquadradas em alguma das seguintes áreas temáticas: Comunicação, Cultura, Direitos Humanos e Justiça, Educação, Meio Ambiente, Saúde, Tecnologia e Produção, e Trabalho.

Para inscrever um projeto de extensão no processo seletivo, o interessado deve acessar o portal do Sigaa e preencher o formulário disponibilizado na página. A inscrição fica aberta até o dia 8 de fevereiro de 2018.

As propostas serão avaliadas pela Comissão de Extensão e o resultado final da seleção será divulgado no dia 4 de março. Os projetos aprovados serão executados entre março e dezembro de 2018. O edital, com outros detalhes da seleção, pode ser acessado por meio deste link.

Agecom/UFRN

ASSECOM/RN – A educação em tempo integral no Ensino Médio é uma realidade para mais de seis mil alunos potiguares. Após um planejamento estratégico e ações estruturantes, a rede estadual de ensino se prepara para ofertar, em 2018, 12 mil vagas em tempo integral em 29 unidades estaduais de ensino médio.

Neste ano letivo, a SEEC, em diálogo com o Ministério da Educação, iniciou a implementação de 18 escolas de ensino médio com uma jornada de atividades de oito horas, conhecida como tempo integral. Com isso, a Educação do RN buscou parceiros para a adoção desta nova modalidade de ensino.

“Tínhamos uma experiência no ensino fundamental, no entanto, o tempo integral no ensino médio trouxe uma amplitude para nossas atividades. Com o fomento do Governo Federal, essas escolas marcam um novo momento na educação do Rio Grande do Norte, pois introduzem, entre outras coisas, uma ampliação na jornada escolar, onde o estudante terá mais tempo para desenvolver suas atividades”, destacou a secretária Cláudia Santa Rosa sobre a implantação do tempo integral.

O Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE) e os Institutos Sonhos Grande e Natura trouxeram para os técnicos da SEEC as experiências adotadas em outros estados. “Com a equipe de implementação, unimos conhecimentos para trazermos um ensino de qualidade para o RN. Tivemos muitos desafios, mas, ao final deste primeiro ano, estou certo de que muita coisa foi superada”, destacou João Faria, consultor da equipe de implementação.

Para a implantação do tempo integral em escolas do ensino médio, o Governo do RN investiu mais de R$ 14 milhões oriundos de recursos próprios. “Nesse primeiro ano, só de obras executadas e outras para serem concluídas nos primeiros meses de 2018, foram R$ 7,2 milhões. Um compromisso que elevou o RN para um patamar de confiança junto ao MEC”, explicou João Faria.

O primeiro grande desafio superado neste ano foi a disponibilidade de professores na rede para atuarem nas escolas em tempo integral. Hoje, de acordo com o consultor João Faria, o quadro de professores de todas as unidades de ensino encontram-se completos. “Buscamos apenas mais um docente para que as atuais escolas de tempo integral tenham 100% dos seus professores”, disse. Atualmente, 327 professores atuam nesta modalidade de ensino.

Buscando encontrar as potencialidades e necessidades de cada escola que ingressou no tempo integral, a equipe de implantação criou uma metodologia de trabalho chamada Raio-X, onde um grupo de educadores visitou as 18 escolas para conhecer suas estruturas e equipe técnica para desenhar as atividades e ações pontuais que deveriam ser realizadas a fim de tornar a escola um espaço apropriado para o tempo integral.

Durante o ano de 2017, foram realizadas duas formações intensivas com os gestores destas escolas para que a rotina do tempo integral fosse apresentada e discutida. “Também realizamos com professores um clico de acompanhamento, com um total de 8 formações, para que os educadores encontrassem uma base para a nova jornada”, destacou Rafael Pansato, consultor do ICE.

Ampliação

Para 2018, a Secretaria de Educação do RN ampliará a rede de escolas de tempo integral no ensino médio em 11 escolas. As escolas Francisco Ivo Cavalcanti (Natal), Alfredo Mesquita Filho (Macaíba), Antônio de Souza (Parnamirm), Rosa Pignataro (Nova Cruz), Ainda Ramalho (Mossoró), Clara Tete0 (Macau), o Colégio Atheneu Norte-Riograndense (Natal) e os Centros Estaduais de Educação Profissional Antunes Pereira (Ceará Mirim), Ruy Pereira dos Santos (São Gonçalo do Amarante) e Francisco Pedroza (Mossoró) ingressarão no tempo integral. “É importante destacar que essas escolas foram consultadas acerca da mudança, pois somente com a aprovação da comunidade escolar a escola transforma-se em tempo integral”, enfatizou Rafael Pansato.

“Sabemos que não avançamos sem ousar. O RN teve essa coragem com a implantação destas escolas, que está alinhada com o Plano Estadual de Educação, que tem como meta transformar 50% das escolas da rede em tempo integral até 2025. Iniciamos esse trabalho e esperamos que as respostas desta ação sejam traduzidas no avanço dos indicadores educacionais do nosso estado”, pontuou a secretária Cláudia Santa Rosa.

As equipes pedagógicas e administrativas dessas 11 novas escolas encerram ontem (21) o terceiro dia de formação para início das atividades. Entre os itens da pauta da atividade, a abrangência da escola da escolha, o modelo pedagógico e de gestão e a tecnologia de gestão educacional.  A formação foi realizada pela equipe de implantação da SEEC, consultores do ICE e do Instituto Natura-Sonho Grande no auditório do Instituto de Educação de Ensino Superior Presidente Kennedy (IFESP).

Estudantes bolsistas de pesquisa terão direito a afastamento por maternidade ou adoção. Eles poderão suspender as atividades acadêmicas por até 120 dias recebendo bolsa. É o que estabelece a Lei 13.536/2017, sancionada na sexta-feira (15) e publicada nesta segunda-feira (18) do Diário Oficial da União.

A lei, que tem validade já a partir desta segunda-feira, tem origem no Projeto de Lei da Câmara (PLC) 62/2017, aprovado no Senado no último dia 23 de novembro. O PLC é de iniciativa da deputada Alice Portugal (PCdoB-BA).

Durante o afastamento, o bolsista terá suas atividades acadêmicas suspensas, mas continua recebendo a bolsa. A prorrogação da vigência corresponderá ao período de afastamento do pesquisador.

A regra vale para bolsas concedidas por agências de fomento à pesquisa com duração mínima de um ano. A prorrogação poderá ser de até 120 dias, comprovado o afastamento temporário por conta de parto, adoção ou obtenção de guarda judicial para fins de adoção.

Não poderá ser concedida a prorrogação a mais de um bolsista, quando for decorrente do mesmo processo de adoção e guarda. Mas, no caso de falecimento do bolsista, o cônjuge, caso também receba bolsa, poderá solicitar a prorrogação pelo período restante, exceto nas hipóteses de falecimento do filho ou abandono.

O afastamento temporário deverá ser formalmente comunicado à agência de fomento. Essa comunicação deverá estar acompanhada da confirmação da coordenação da direção do curso, especificadas as datas de início e de término efetivos, além dos documentos comprobatórios da gestação, nascimento, adoção ou guarda judicial.

Segurança

Para a relatora do PLC 62/2017 na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), o texto é uma forma de dar mais segurança aos bolsistas. Ela diz que a aprovação do projeto “não é só uma questão que interessa às mulheres e aos adotantes, mas a todos os brasileiros”.

Na visão da senadora, a proposta também é uma forma de “aumentar a eficiência do sistema de bolsas, evitando o eventual desperdício causado pelo fato de bolsistas poderem vir a ser obrigados a abandonar cursos ou projetos de pesquisa antes de sua conclusão e depois de terem sido objeto de significativos investimentos de recursos públicos e de esforços pessoais”.

CNPq e Capes

As novas regras transformam em lei uma prática que vem sendo adotada por algumas das principais agências de fomento a estudos e pesquisas no Brasil. O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) já possuem normas internas que concedem essa prorrogação a bolsistas que recebem o auxílio por 24 meses ou mais (mestrado e doutorado).

Agência Senado

Eleições deste ano abrangeram 20 escolas, que se somam às 4 contempladas em 2016

Conforme o esperado, ocorreram num clima de tranquilidade as novas eleições para gestores e vice-gestores das escolas municipais públicas de Macaíba. Desta vez, foram 20 unidades de ensino que tiveram, pela primeira vez, a oportunidade de escolher os seus gestores através de voto nos dias 12 e 13 de dezembro.

A votação teve uma participação significativa, segundo explicou o professor José Monteiro, presidente da Comissão Eleitoral responsável pelas eleições, onde alunos maiores de 12 anos, pais, professores e demais funcionários das escolas foram aptos a votar. Alguns locais chegaram a ter cerca de 80% de adesão. Esses pleitos ocorrem em cumprimento ao que determina a Lei Municipal nº 1.831/2016.

Agora, já são 24 escolas municipais de Macaíba que passaram por eleições para a escolha de gestores e vices. Isso representa mais de 50% da rede municipal que é composta atualmente por 43 estabelecimentos de ensino. A previsão é que todas as escolas tenham diretores eleitos mediante votação já no ano que vem, comentou Monteiro.

“No ano passado, fizemos eleições para diretores para cumprimento de um mandato de dois anos. Agora, foi para um mandato de um ano. Assim, no ano de 2018, serão feitas eleições em todas as escolas, alcançando 100% da nossa rede.”, declarou o presidente da Comissão Eleitoral, ligada à Secretaria Municipal de Educação.

Os nomes dos vencedores constam no Boletim Oficial Ano VIII, Nº 1393, de 15 de dezembro de 2017. O documento pode ser acessado aqui: http://bit.ly/2kdNmhX

Assecom-PMM

 

Nesta quarta-feira (13), aconteceu com clima de normalidade o segundo dia das eleições para gestores escolares do município de Macaíba. Mais dez escolas puderam escolher pela primeira vez os seus novos diretores e vices através de votação direta. Ontem (12), também ocorreram votações em dez escolas da rede municipal.

Participaram da votação os membros da comunidade escolar (gestores, coordenadores, professores e demais membros do corpo técnico da escola, alunos) e os pais dos alunos. O resultado será publicado em breve nas mídias oficiais da Prefeitura de Macaíba.

As primeiras eleições para gestores escolares em Macaíba foram realizadas no final do ano passado em quatro escolas. Após o pleito deste corrente ano, serão 24 escolas municipais que terão seus diretores e vices escolhidos por meio de votação.

Redação

Este pleito contempla 20 escolas municipais

As novas eleições para gestores escolares do município de Macaíba foram iniciadas nesta terça-feira (12), movimentando 10 escolas em áreas urbanas e rurais. O pleito continua amanhã (13) em mais 10 escolas. No total, serão 20 escolas da rede municipal que irão escolher, pela primeira vez, os seus gestores mediante votação direta.

Esta é a segunda vez que Macaíba tem um pleito desse tipo. As primeiras eleições para diretores e vices das escolas municipais foram realizadas em dezembro de 2016, abrangendo 4 escolas. Esses pleitos ocorrem em cumprimento ao que determina a Lei Municipal nº 1.831/2016. Com isso, alunos, pais, professores e demais funcionários das escolas passaram a ter a oportunidade de escolher os gestores das unidades de ensino através de voto.

“Eu achei importante participar dessa eleição, que veio para ajudar os alunos, os diretores, melhora o contato. Ele (o diretor) pode chegar mais ali junto dos alunos para saber o que pode fazer para melhorar a escola, ter um ensino bom”, opinou o jovem Leifson José, de 18 anos, estudante da Escola Municipal José Mesquita, situada na comunidade rural de Riacho do Sangue.

Assecom-PMM