BASTIDORES: TCU INVESTIGA MICHELLE, MAS POUPA GASTOS DE JANJA - Informativo Atitude

BASTIDORES: TCU INVESTIGA MICHELLE, MAS POUPA GASTOS DE JANJA

 

Bomba nas redes sociais uma cobrança ao procurador Lucas Furtado, do Tribunal de Contas da União (TCU), para que atue com isonomia. É que, em maio, já com a caçada a Jair Bolsonaro, familiares e aliados em curso, Furtado requereu “investigação dos gastos” da ex-primeira-dama Michelle, baseado em acusação de suposta “rachadinha” que não parava em pé. Ele agora é cobrado para investigar gastos de Janja, escondidos pelo governo do marido, que não obedece a Lei de Acesso à Informação.

QUEM MANDA

Lucas Furtado presta obediência ao presidente do TCU, Bruno Dantas, que é candidato a ministro do STF, não quer saber de “marolinhas”.

LEI IMPÕE TRANSPARÊNCIA

Com base na Lei de Acesso à Informação, esta coluna pediu informações sobre gastos e presentes para Janja, em suas viagens de puro luxo.

ESCULPA DE AMARELO

A Casa Civil se negou atender, alegando que Janja “não exerce função pública”, apesar da sua influência e do gabinete que ocupa no Planalto.

 

About The Author