Após evento de Bosolnaro, Moraes cita luta Bambam x Popó ao defender democracia - Informativo Atitude

Após evento de Bosolnaro, Moraes cita luta Bambam x Popó ao defender democracia

“Nós não podemos nos enganar. Nós não podemos baixar a guarda… Não podemos dar um de [Kleber] Bambam contra o Popó – que durou 36 segundos. Nós temos que ficar alerta e fortalecer a democracia. Fortalecer as instituições e regulamentar o que precisa ser regulamentado”, afirmou.

“Nós não podemos cair nesse discurso fácil, de que regulamentar as redes sociais é ser contra a liberdade de expressão. Isso é um discurso mentiroso e pretende propagar e continuar propagando o discurso de ódio, a lavagem cerebral que é feita em milhões e milhões de pessoas”, continuou.

Alexandre de Moraes ainda defendeu que as big techs sejam responsabilizadas por crimes cometidos por usuários nas redes sociais. Para o ministro, é preciso “garantir que as redes sociais não sejam terra de ninguém”.

“Nem mais, nem menos do que ocorre no mundo real. Talvez vocês não saibam, mas a empresa que mais fatura no mundo e no Brasil com publicidade é o Google. Mas o Google é taxado como empresa de tecnologia. Então, não tem responsabilidade alguma. Isso é um absurdo. E a resposta das big techs é: ‘Nós só somos depósito de textos, vídeos, artigos”, criticou.

Poder 360

About The Author