enem-n-maior

Destaque da Agência Brasil:

A aplicação das provas do primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014 transcorreu “dentro da normalidade nos 1.752 municípios”, na avaliação do Ministério da Educação (MEC). Em nota divulgada nesta noite, a pasta informa também que 65 inscritos foram eliminados por uso indevido de telefones celulares. O número já ultrapassa os 47 candidatos que foram excluídos do Enem no ano passado.

De acordo com a nota, o MEC, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e parceiros institucionais monitoraram pelas redes sociais as postagens relacionadas ao Enem.

O comunicado diz ainda que o ministro da Educação, Henrique Paim, lamentou profundamente o falecimento da participante Edivania Florinda de Assis na escola em que realizaria a prova, em Olinda (PE), e transmitiu a sua solidariedade aos parentes da candidata. Paim também agradeceu a todos os parceiros e desejou uma boa prova aos estudantes que vão participar do exame amanhã (9).

Neste domingo serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias. Os participantes terão 5 horas e 30 minutos para resolver as questões e escrever a redação.

Pelo menos oito pessoas morreram e 15 ficaram feridas devido à queda de um ônibus de uma ponte após colidir com outro veículo na cidade de Itapebi, na Bahia. O acidente ocorreu na noite de sexta-feira quando uma caminhonete tentou ultrapassar o ônibus no meio da ponte.

O ônibus, da empresa Rota, tinha partido da cidade de Ilhéus e se dirigia com 49 passageiros rumo a Porto Seguro. O veículo caiu no rio Jequitinhonha de uma altura de vinte metros.

Os feridos foram levados para um hospital próximo ao lugar do acidente e um deles se encontra em estado grave. O motorista e único ocupante da caminhonete, identificado como Adriano Moreira de Souza, foi resgatado com ferimentos leves e detido pela polícia como suposto responsável pelo acidente.

Terra

naruto

7o674433

Ciro Marques

Repórter de Política

A declaração do vice-governador eleito, Fábio Dantas (PC do B), sobre a necessidade do Governo do Estado arrecadar R$ 1 bilhão a mais em 2015 para pagar o funcionalismo público em dia, exibiu a grave situação das contas públicas do Rio Grande do Norte. E, diante disso, para o procurador-geral de Justiça, Rinaldo Reis, não restam dúvidas que a próxima gestão precisará tomar medidas enérgicas e impopulares sobre a folha de pagamento. Para Reis, toda a população espera que ações nesse sentido sejam feitas, para que o Estado possa diminuir a máquina e recuperar a capacidade de investimento do Estado.

A declaração de Rinaldo Reis, no entanto, foi dada com certo ressentimento. Líder do Ministério Público do RN, o procurador-geral de Justiça não quer parecer um “intrometido” no Executivo Estadual. “Não quero falar o que o futuro governador (Robinson Faria, do PSD) precisa ou não fazer, mas é lógico que essa situação da folha de pagamento tem que ser urgentemente enfrentada. Acredito que é isso que a gente espera, é isso que a população espera”, afirmou Reis em contato com O Jornal de Hoje.

Segundo o procurador-geral de Justiça, para enfrentar essa situação, inclusive, o futuro governador “precisará tomar medidas enérgicas e, talvez, amargas sobre a folha, como forma de deixar a máquina pública estadual mais eficiente”. “Diante dessa situação exposta pelo vice-governador, que é o coordenador da equipe de transição, não restam dúvidas da necessidade de ações nesse sentido”, acrescentou o procurador. Ler mais…

dibson nasser 2

O presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta (PROS), e o primeiro-secretário, Gustavo Fernandes (PROS), Dibson Nasser (PSDB) tomou posse na tarde de hoje (08) no cargo de deputado estadual. Decisão proferida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na quinta-feira (30), decretou que o Legislativo potiguar afastasse José Adécio (DEM) para dar posse ao tucano.

Detran

O secretário municipal de Saúde, Cipriano Maia, poderá ser exonerado do cargo nas próximas semanas. Informações palacianas apontam que o prefeito Carlos Eduardo já não está satisfeito com o trabalho desenvolvido pelo titular da Saúde. Aliás, crise na saúde que tende a se agravar nos próximos dias com a paralisação de um segmento fundamental para os serviços.

Já assessores próximos ao governador eleito Robinson Faria descartam qualquer chance de Cipriano ser acomodado na gestão estadual.

DNA CENTER

familia_mario

Do G1: Aos 50 anos, Mário Barreto é dono de uma produtora de computação gráfica. Bem sucedido em um mercado onde o diploma é um mero detalhe, ele poderia abrir mão do canudo. Mas, há pouco, viu a filha Júlia, de 18 anos, passar no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e a irmã, três anos mais nova que ele, ser aprovada no mesmo exame. O sonho antigo de concluir uma faculdade voltou a lhe perturbar. Mário decidiu fazer o Enem, que será neste sábado (8) e domingo (9).

Iniciado no mercado de trabalho aos 15 anos, já tinha grandes responsabilidades no emprego quando, aos 20, os amigos começaram o ensino superior. Inscreveu-se duas vezes em um curso de comunicação: na primeira vez nem começou a cursar; na outra, parou no segundo período. “O trabalho era prioridade, não consegui me manter estudando. Era puxado, e hoje me arrependo muito”, relembra.

As aprovações na família, porém, entusiasmaram o produtor. “Este ano me animei porque a minha irmã, depois de formada, com mestrado e tudo, começou a fazer uma faculdade. A Júlia, minha filha, foi muito bem sucedida. Passou na primeira tentativa, em terceiro lugar. Pensei: quero este sucesso para mim também”, conta ele.

Atualmente, a filha Júlia cursa psicologia na UFRJ. A irmã, Maria Inês, trocou a Química pelo Direito. Para passar no Enem, ele aposta em usar o material que Júlia utilizou e — quem sabe — contar com uma forcinha da irmã para as matérias exatas, que “têm mais decoreba”.

“Minha filha manda material de vez em quando, as apostilas e tudo. Estou animado. Tem algumas matérias que nunca fui muito bom, mas tenho o plano de dar uma boa estudada e garantir naquilo que tenho uma boa base, como História, Redação e Inglês”, conta Mário.

O curso universitário ainda não está definido. Vai depender da nota. “Estou em dúvida entre história e filosofia, vou ver a pontuação que vou conseguir”, conclui.

Detran

Os familiares da dona de casa Lenilza Alves Lopes, de 28 anos, procuraram a polícia para prestar queixa do desaparecimento da jovem que saiu de casa no último dia 26 de Outubro para votar em um colégio próximo na cidade de Macaíba e não retornou. O ex-namorado da vítima, um policial militar lotado na cidade de Mossoró, avisou a mãe de Lenilza sobre o desaparecimento, mas, segundo a mulher, entrou em contradição quando explicou o fato.

A reportagem do Portal BO conversou com Josefa Alves. Ela explicou que a filha saiu de casa para votar, mas jamais deixaria as duas crianças sozinhas como foram encontradas. Ela ainda relatou que foi até a residência da filha e encontrou manchas de sangue por toda parte, inclusive na cama do casal e no berço de uma das crianças, o que a deixou bastante desconfiada e nervosa.

“Eu tenho certeza que minha filha está morta e que esse homem que viveu com ela não explicou o que realmente aconteceu. Eu só quero que alguém diga onde o corpo dela está para acabar com esse meu sofrimento”, disse.

A mãe de Lenilza relatou ainda que a criança mais nova de quatro meses foi levada pelo pai enquanto a outra de dez anos ficou em Macaíba. O policial, após decidir ir embora com o desaparecimento da mulher, teria tentado atear fogo na casa, atitude que foi impedida pela mãe da vítima.

O delegado Normando Feitosa, titular da delegacia da cidade, assumiu o caso e disse que as investigações estão bem adiantadas e que já ouviu algumas pessoas, no entanto, preferiu não informar detalhes. “Estamos trabalhando com afinco nesse caso e já recolhemos material na casa que foram enviados para análises”, explicou.

mad

enem-n-maior

Mais de 200 mil estudantes do Rio Grande do Norte estão inscritos no Enem 2014 que acontece neste final de semana em todo o Brasil.

Os inscritos a uma vaga no ensino superior devem chegar ao local de suas provas com uma hora de antecedência levando RG ou outro documento oficial com foto, e uma caneta transparente de tinta preta.

Quem não tiver o documento deverá apresentar um boletim de ocorrência recente.

As provas serao aplicadas no sábado e domingo, sempre a partir do meio-dia.

No sábado serao feitas as provas de Ciências Humanas, com 45 questões, e de Ciências da Natureza, também com 45 questões.

O tempo máximo para as duas provas sera de 4 horas e meia mas, quem concluir antes, pode sair no mínimo duas horas depois do início.

No domingo serao aplicadas as provas de Linguagem e Código, de Matemática e de Redação.

As duas primeiras também terão 45 questões.

No segundo dia a duração maxima das provas será de 5 horas e meia.

dna

Do Site Macaiba Connect: Uma mulher por nome de Rosa de Lourdes Silva Freitas Araujo, 47 anos, foi presa acusada de ser mandante da morte do seu próprio marido por nome de José Inaldo Aires da Silva, mais conhecido por “Galego do Leite”, 49 anos, assassinado no dia 06-07-2013 no loteamento Bom Sossego em Macaíba por diversos tiros disparados por dois homens em uma moto, no qual José foi socorrido ainda com vida, mais morreu após dá entrada no hospital. De acordo com as informações da Policia Civil repassadas para a CONNECTTV, Rosa de Lourdes estava escondida em uma residencia em Natal comedo de ser assassinada pelo os dois  filhos de Galego do Leite, que já tem envolvimento com o mundo do crime, e por uma vez já tentou contra a vida da mesma, alvejando com um tiro de raspão no pescoço na rua do Coite no dia 28-12-2013. A Policia ainda relatou que a prisão ocorreu na tarde desta Sexta-Feira no escritório de advocacia localizado na capital Potiguar por força de um mandado de prisão. O chefe de investigação DR. Luciano afirmou que Realmente a esposa foi amandante do crime e espera através de depoimentos localizar os executores.
O CRIME 
 
A vítima por nome de José Inaldo Aires da Silva de 49 anos, mais conhecido como (Galego do leite) que sofreu uma tentativa de homicídio nesta Sexta-Feira (06) no bairro Bom Sossego por volta das 14hs, ainda foi socorrido com vida para o hospital Clóvis Sarinho, pela equipe do SAMU, mais após chegar no hospital não resistiu aos ferimentos e veio a falecer.
2e

411-870x418

Após uma semana de investigação, a equipe de Plantão da zona Sul, da Polícia Civil, comandada pela delegada Alzira Veiga, prendeu na noite dessa quinta-feira, em Parnamirim, quatro homens acusados de formação de quadrilha, tráfico de drogas e porte ilegal de armas.

Erimarcos Cortes Dantas de 20 anos, Renner Manoel Siciliano da Silva de melo de 18, Rodrigo Lucas da Silva de 21 anos que é soldado da Aeronáutica e Luiz da Silva Pereira Junior, o ‘Juninho Palhaço’.

Contra o ‘Juninho Palhaço’, constava um mandado de prisão em aberto pela tentativa de homicídio a um taxista que ocorreu na zona Sul de Natal.

Com eles a polícia encontrou dois revolveres calibre 38, maconha, 7 mil reais e um veículo que tinha sido roubado a cerca de uma semana também na zona sul da capital.

Eles foram autuados por formação de quadrilha, receptação, porte ilegal de arma de fogo e por posse de droga, sendo encaminhados posteriormente ao sistema prisional do estado.

Detran

AVALIAÇÃO

O prefeito Carlos Eduardo fez uma gestão razoável quando passou pela Prefeitura do Natal. Corajoso, rompeu com a família, se aliou a forças mais progressistas e gerenciou a cidade sem ceder a pressões nem do poder econômico. Saiu bem, apesar de não conseguir eleger seu sucessor.

EQUÍVOCO

O filho de Agnelo continuou com seu projeto de manter a coragem e eqüidistância da família que o pariu como político e foi candidato a governador contra todos. Perdeu feio; mas manteve a coerência e fortaleceu a imagem de que era diferente e não fruto e beneficiário da oligarquia.

PREFEITO

Veio a eleição para prefeito de Natal. Carlos Eduardo recusou pedido de filiação no PMDB para ser apoiado em 2012. Parecia ser o caminho mais fácil para voltar a administrar a capital. Ele recusou e teve que enfrentar a ira dos primos contra sua candidatura. O PMDB, comandado por Henrique, tentou de tudo para desestabilizar sua candidatura e derrotar sua pretensão. Gastou quase R$ 10 milhões contra ele. Não adiantou. Longe da família e contra sua própria oligarquia, Carlos Eduardo venceu o pleito.

APOIOS

CARLOS_ROBINSON_FATIMA_370

Para ser eleito contra o candidato do PMDB, Carlos Eduardo foi apoiado por Robinson Faria e, no segundo turno, pelo PT de Fátima Bezerra. Começou governando com os dois partidos que lhe respaldaram. Veio a eleição para governador e tudo mudou.

MAJORITÁRIA

Enrique é Carlos

Na disputa majoritária de 2014, Carlos Eduardo tinha tudo para ser o grande vencedor sem fazer muita força. Bastava apoiar quem lhe apoiou. Ele fez o contrário. Apoiou justamente o presidente do PMDB, que tentou lhe derrotar. O apoio de Carlos Eduardo terminou simbolizando mais o reencontro familiar, uma reconciliação da oligarquia Alves, do que propriamente o apoio do prefeito da capital a um candidato viável politicamente; mas rejeitado pelo eleitorado.

RADICALISMO

henriquealvess2

Henrique sempre foi o radical da família; na campanha, assumiu erros do passado e afirmou que tratava-se de um ‘ex-radical’ regenerado pelo tempo. Carlos Eduardo, que não disputava mandato, assumiu o lugar do primo e fez dois discursos agressivos contra seu amigo e vizinho: “Não acredito que alguém saia de casa para votar em Robinson Faria” foi um deles. O outro foi ainda mais pesado: “Robinson e Rosalba estão juntos. Vamos jogar os dois na lata de lixo da história”.

MUDANÇA

O apoio de Carlos Eduardo a um candidato é natural. Mesmo que seja um ex-adversário. Faz parte da ‘dinâmica’ da política. A questão é que ele acirrou de forma desnecessária e desproporcional. Perdeu a eleição em Natal e seus candidatos não foram respaldados pelo eleitorado.

FUTURO

Derrotado eleitoralmente e com o futuro governador como adversário, além de já ter um candidato declarado contra sua reeleição, sendo apoiado por Robinson Faria e pela presidente Dilma, o prefeito Carlos Eduardo vai ter muito trabalho pela frente para reverter essa situação e evitar se ‘micarlizar’ pela falta de recursos.

OLIGARQUIA

O que aproximava Carlos Eduardo de partidos progressistas e o unia a setores mais à esquerda, era justamente o fato dele ser oriundo da oligarquia Alves, mas ter tido a coragem de romper com a própria família e construir sua história. A volta ao seio familiar, destrói o discurso do prefeito e o liga de forma irreversível, ao palanque que sempre combateu; e que a população derrotou com a vitória de Fátima Bezerra e Robinson Faria.

Por Tulio Lemos  Jornal de Hoje

dna

AVALIAÇÃO

O prefeito Carlos Eduardo fez uma gestão razoável quando passou pela Prefeitura do Natal. Corajoso, rompeu com a família, se aliou a forças mais progressistas e gerenciou a cidade sem ceder a pressões nem do poder econômico. Saiu bem, apesar de não conseguir eleger seu sucessor.

EQUÍVOCO

O filho de Agnelo continuou com seu projeto de manter a coragem e eqüidistância da família que o pariu como político e foi candidato a governador contra todos. Perdeu feio; mas manteve a coerência e fortaleceu a imagem de que era diferente e não fruto e beneficiário da oligarquia.

PREFEITO

Veio a eleição para prefeito de Natal. Carlos Eduardo recusou pedido de filiação no PMDB para ser apoiado em 2012. Parecia ser o caminho mais fácil para voltar a administrar a capital. Ele recusou e teve que enfrentar a ira dos primos contra sua candidatura. O PMDB, comandado por Henrique, tentou de tudo para desestabilizar sua candidatura e derrotar sua pretensão. Gastou quase R$ 10 milhões contra ele. Não adiantou. Longe da família e contra sua própria oligarquia, Carlos Eduardo venceu o pleito.

APOIOS

CARLOS_ROBINSON_FATIMA_370

Para ser eleito contra o candidato do PMDB, Carlos Eduardo foi apoiado por Robinson Faria e, no segundo turno, pelo PT de Fátima Bezerra. Começou governando com os dois partidos que lhe respaldaram. Veio a eleição para governador e tudo mudou.

MAJORITÁRIA

Enrique é Carlos

Na disputa majoritária de 2014, Carlos Eduardo tinha tudo para ser o grande vencedor sem fazer muita força. Bastava apoiar quem lhe apoiou. Ele fez o contrário. Apoiou justamente o presidente do PMDB, que tentou lhe derrotar. O apoio de Carlos Eduardo terminou simbolizando mais o reencontro familiar, uma reconciliação da oligarquia Alves, do que propriamente o apoio do prefeito da capital a um candidato viável politicamente; mas rejeitado pelo eleitorado.

RADICALISMO

henriquealvess2

Henrique sempre foi o radical da família; na campanha, assumiu erros do passado e afirmou que tratava-se de um ‘ex-radical’ regenerado pelo tempo. Carlos Eduardo, que não disputava mandato, assumiu o lugar do primo e fez dois discursos agressivos contra seu amigo e vizinho: “Não acredito que alguém saia de casa para votar em Robinson Faria” foi um deles. O outro foi ainda mais pesado: “Robinson e Rosalba estão juntos. Vamos jogar os dois na lata de lixo da história”.

MUDANÇA

O apoio de Carlos Eduardo a um candidato é natural. Mesmo que seja um ex-adversário. Faz parte da ‘dinâmica’ da política. A questão é que ele acirrou de forma desnecessária e desproporcional. Perdeu a eleição em Natal e seus candidatos não foram respaldados pelo eleitorado.

FUTURO

Derrotado eleitoralmente e com o futuro governador como adversário, além de já ter um candidato declarado contra sua reeleição, sendo apoiado por Robinson Faria e pela presidente Dilma, o prefeito Carlos Eduardo vai ter muito trabalho pela frente para reverter essa situação e evitar se ‘micarlizar’ pela falta de recursos.

OLIGARQUIA

O que aproximava Carlos Eduardo de partidos progressistas e o unia a setores mais à esquerda, era justamente o fato dele ser oriundo da oligarquia Alves, mas ter tido a coragem de romper com a própria família e construir sua história. A volta ao seio familiar, destrói o discurso do prefeito e o liga de forma irreversível, ao palanque que sempre combateu; e que a população derrotou com a vitória de Fátima Bezerra e Robinson Faria.

Por Tulio Lemos  Jornal de Hoje

dna

DBISON

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Dias Toffoli, determinou à Assembleia Legislativa a recondução de Dibson Nasser (PSDB) ao cargo de deputado estadual, depois que a própria Corte protocolou decisão do tucano para retornar ao Poder Legislativo. “Determino que se expeça novo ofício, agora endereçado à mesa diretora da Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Norte, contendo a referida ordem, para imediato cumprimento, anotando entender não ser o caso, por ora, de cominação de multa diária”, escreveu o ministro.

promo-frete-gratis-2014-loja

Pílula masculina pode chegar ao mercado nos próximos anos Jean Mulligan/Morguefile

A pílula masculina pode chegar em poucos anos às prateleiras das farmácias. Em estudo nas universidades americanas, o uso de contraceptivo masculino ainda esbarra na metabolização do testosterona pelo organismo. Pesquisadores da área acreditam que o problema pode ser driblado com a modificação química do hormônio.

“Pesquisas adicionais de um tipo semelhante também sugerem que as mulheres em relacionamentos comprometidos confiaria a seu parceiro usar a contracepção se isso fosse escolha do casal. É possível que uma injeção de longa ação, que tem a duração de 3-6 meses, pode ser preferível para alguns homens e para os seus parceiros no longo prazo. Este tipo de contraceptivo hormonal masculino também está em desenvolvimento e os resultados desses tipos de injetáveis de ação longa parece muito promissor”, disse a professora da Faculdade de Medicina da Universidade de Washington, Stephanie Page (USA).

O ano de 2014 ainda não terminou e os observadores políticos já estão de olho em 2016

robinson-macaiba

O ano ainda não chegou ao seu final, muitos ainda estão juntando os cacos da derrota do pleito recente, porém tem pessoas que já estão falando na eleição de 2016. De uma coisa é certa e não adianta se enganar nem muito menos se iludir: nesta eleição recente o atual prefeito de Macaíba, Fernando Cunha saiu extremamente fortalecido para a disputa do pleito municipal 2016.

O bacana de tudo isso é que este resultado causou uma epidemia eleitoral catatônica. Estes devaneios podem ser rapidamente diagnosticados:

1º Surto do matemático embriagado.

AlbertEinsteinTriLouco

Este é facilmente detectado quando a liderança, eleitor ou liderança de um determinado partido cria cálculos que ISAAC NEWTON ou RENÉ DESCARTES seriam incapazes de reconhecer, pois, por incrível que pareça, todo cálculo feito em quaisquer das quatro operações nunca favorece o candidato adversário.

2°Chapado eleitoral:

ET Chapado

Este é facilmente diagnosticado porque vive delirante eleitoralmente. Suas análises, críticas e previsões sempre estão fora de contexto, fora da realidade. Cuidado! é sempre comum encontrar uma criatura dessas em esquinas, praças e redes sócias descarregando suas iras. Calma! Este surto é passageiro e só acontecem a cada dois anos.

3°Complexo de Mãe Diná:

Mae Diná

Atenção! Este é mais fácil de diagnosticar entre os três. Ele é mais comum nas redes sociais. O sujeito faz previsões futuristas, verdadeiros delírios psicóticos que nunca são concretizáveis, apesar dos delírios são educadas e sensíveis quando não se questiona estas previsões.

dna

No próximo domingo (09), o Estádio José Jorge Maciel, popularmente conhecido como Campo do Cruzeiro, vai sediar a primeira partida da Grande Final do Campeonato Municipal da Zona Rural. A disputa será entre o CRB de Cajazeiras e o Bragantino de Lagoa do Mato.

A partida será iniciada às 15h30min. Antes, às 14h, haverá a partida preliminar referente à Final da Categoria Aspirantes, envolvendo Goiás do Assentamento José Coelho e Bragantino de Lagoa do Mato. Vencer é fundamental para ir com vantagem para a disputa da segunda partida da Grande Final, que será realizada no dia 23 deste mesmo mês.

O campeonato deste ano tem sido um dos mais empolgantes dos últimos tempos, contando com bons jogos, boa presença de público e muitos gols. Inclusive, este torneio protagonizou a estreia do primeiro campo da Vila Olímpica, durante a fase de semifinais.

No início do ano, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SMEL), entregou kits esportivos a todas as equipes que disputam o torneio. Os kits contêm ternos completos (calções, camisas e meias) e bolas.

Detran

Foto: José Aldenir

O 3º Congresso Brasileiro de Atenção Primária em Odontologia (Cobrapo) ocorre pela primeira vez em Natal. Em vez de ficar restrito a discussões científicas, o evento também tem um viés de ação social. Por isso, crianças internadas no Hospital Infantil Varela Santiago receberam orientações de profissionais para a correta escovação dos dentes hoje pela manhã. O destaque foi para o projeto Novo Sorriso desenvolvido pela Prefeitura de Macaíba. Cerca de 80 crianças que passaram pela orientação foram atendidas por profissionais.

O Novo Sorriso instalou escovódromos em todas as 45 escolas municipais de Macaíba. A estimativa é que a ação tem beneficiado cerca de 12 mil estudantes. Além disso, o projeto prevê a distribuição de kits de saúde bucal para os alunos (com escova, creme e fio dental) e capacitação dos profissionais que irão conduzir as crianças na missão de limpar a própria boca.

Conforme a coordenadora de Saúde Bucal de Macaíba, Jane Nóbrega, a Prefeitura tem a meta de atingir o indicador de saúde bucal recomendado pelo Ministério da Saúde e Organização Mundial da Saúde (OMS). O CPOD (indicador de dentes cariados, perdidos ou obturados) estava em 4,2 na última medição feita em 2008. O ideal é que esse número chegue a 3 ou menos na próxima mediação. Apenas crianças de 12 anos são avaliadas.

Aliada a essa iniciativa, as 23 equipes da família reforçam os cuidados com a boca passando pelas escolas da rede municipal, cada equipe em sua região. “Primeiro o dentista mostra como se faz, depois eles mesmos vão fazendo. Fala-se da importância de escovar língua, que pode causar mau hálito, do uso do fio dental, que muitos até não conhecem”, explicou o trabalho.

Fonte: JH

O Congresso Brasileiro de Atenção Primária em Odontologia começou hoje e vai até o próximo dia oito. A programação científica do Congresso acontece no Hotel Parque da Costeira. A organização do evento é de responsabilidade dos Sindicatos de Odontologistas do Rio Grande do Norte (Soern) e de Minas Gerais (Somge), além da Federação Interestadual de Odontologistas (FIO).

http://blogs.portalnoar.com/jacsondamasceno/wp-content/uploads/2014/11/gabriela-rosa.jpg

Do Blog Jacson Damasceno: A estudante de fisioterapia Gabriela Rosa Silva, de 32 anos, foi atingida com dois disparos de arma de fogo na noite desta quarta-feira, durante um assalto no conjunto Nova Natal.

Gabriela foi assaltada por um homem ainda não identificado, no meio da rua. O cara exigia dinheiro e pertences e mesmo ela tendo entregado tudo que tinha, levou um tiro no ombro e outro na coxa.

Após a violência o monstro fugiu e a estudante foi levada para o hospital Santa Catarina. Ela não corre risco de morte

dna

Juiz Martelo

Do Blog Thaisa Galvão: A polêmica em torno do tamanho da folha de pagamento do Estado não tem levado em consideração um quesito pra lá de importante: o das decisões judiciais.

Foram muitas no governo Rosalba Ciarlini.

Decisões que obrigaram o governo a contratar concursados, a reajustar salários, a aplicar planos de cargos e salários.

Tudo por força da lei.

Daí a folha gorda, a ponto de explodir.

Só na área da Saúde, o governo nomeou mais de 1.600.

E se tem mais ações em pauta, a caminho, o futuro governo que se prepare para o impacto da folha.

dna