Em Campo Grande/MT: ‘Amigo’ é convidado pro réveillon, esfaqueia mãe, bate em filha e é morto

Caso aconteceu no bairro Noroeste

Um servente de pedreiro identificado como Edivânio Teodoro da Silva, 32 anos, morreu na noite da virada do ano, neste domingo (31), após tentar esfaquear mãe e filha que comemoravam a chegada do Ano Novo. A tentativa aconteceu por volta das 21h50, no Jardim Noroeste.

Segundo a Polícia, mãe de 33 anos e a filha de 15 comemoravam o Réveillon no quintal da própria residência, fazendo um churrasco, quando Edivânio, conhecido de ambas, passou pela rua. Por conhecerem o servente, chamaram-no para entrar e participar do jantar. A filha da autora afirmou à polícia que ele parecia alterado e visivelmente “drogado”, e já teria entrado na casa gritando e agredindo as duas. Elas teriam pedido para ele se acalmar, no que ele teria reagido dando um soco no rosto da adolescente de 15 anos.

O servente teria então tirado uma faca da cintura e tentado golpear a filha de 15 anos, que correu para o interior da residência. A mãe teria alcançado uma faca e ido atrás da vítima, que ainda tentava atingir a adolescente.

Na confusão, a mãe, vendo a filha em perigo, tentou golpeá-lo. Ela acabou sendo atingida por uma facada na barriga, totalizando três facadas ao todo. Já ele foi golpeado na altura do pescoço. A vítima teria saído da casa, e as mulheres chamaram socorro.

Quando o Corpo de Bombeiros chegou e socorreu a mãe, o servente foi encontrado a 50 metros do local, ainda com vida, mas não resistiu aos ferimentos. A mulher foi levada para a Santa Casa e se encontra em atendimento, e à princípio não corre riscos.

Via Midiamax

Administrador

Deixe uma resposta