policia Arquivo

Carro capotou ao fugir da PRF. (Foto: Divulgação)

Foram apreendidos 834 quilos da droga

Um homem de 43 anos morreu por volta das 5 horas deste sábado (17), em um acidente na BR-163, em Eldorado – a 440 quilômetros de Campo Grande. De acordo com a Polícia Civil, o homem estava em um veículo carregado com mais de 800 quilos de maconha. Ele fugiu de uma abordagem policial e capotou o veículo.

O condutor do carro foi identificado como Geles Zucoloto Thomazini. Ele estava em um veículo Jetta, com placas adulteradas, e não obedeceu à ordem de parada da PRF (Polícia Rodoviária Federal). Ele fugiu em alta velocidade e foi perseguido pelos policiais rodoviários.

No KM 53 da rodovia, Thomazini tentou ultrapassar um caminhão e perdeu o controle do veículo. O carro capotou e o condutor morreu no local. Dentro do carro foram encontrados 834 quilos de maconha.

O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Eldorado.

Midiamax

Rio de Janeiro – Presidente da República, Michel Temer, participa de Reunião de trabalho sobre segurança ( Alan Santos/PR)

Após reunião realizada hoje (17) no Palácio Guanabara, sede do governo do estado do Rio de Janeiro, para tratar da intervenção militar no estado, o presidente da República, Michel Temer, anunciou a criação do Ministério da Segurança Pública. Ele não respondeu perguntas da imprensa e não falou quem assumiria a nova pasta.

“Nós não vamos parar por aí. Muito brevemente, na próxima semana ou na outra no mais tardar, eu quero criar o Ministério Extraordinário da Segurança Pública, que vai coordenar a segurança pública em todo o país, evidentemente sem invadir as competências de cada estado federado”, disse o presidente.

Temer destacou a união de esforços e a concordância do governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, com a intervenção. “A situação do Rio de Janeiro cria também problemas em outros estados, porque se as coisas desanda aqui a tendência é desandar no resto do país”, acrescentou.

Participaram do encontro o governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, os ministros da Fazenda, Henrique Meirelles; e da Secretaroa-Geral da Presidência da República, Moreira Franco; o general  Walter Braga Netto, nomeado interventor da área de segurança publica no estado; e outros oficiais militares. Eles trataram do planejamento da intervenção militar que foi determinada em decreto presidencial assinado ontem (16).

O secretário de estado de segurança Roberto Sá foi afastado do cargo e o general Walter Braga Netto será, na prática, quem cuidará de todas as questões ligadas à segurança pública. O decreto já está em vigor mas precisará ser confirmado pelo Congresso para seguir valendo.

Agência Brasil

Foto: Divulgação/PRF

O Carnaval de 2018 foi o menos violento no trânsito dos últimos quatro anos, indica a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os policiais registraram 14% menos acidentes em rodovias federais durante os seis dias da Operação Carnaval, que terminou nesta quarta-feira (14), além de 15% menos ultrapassagens irregulares.

Fiscalização

A Operação Carnaval fez parte da Operação Rodovida, que começou em 22 de dezembro de 2017 e termina nesta sexta-feira (18). A atenção foi redobrada às infrações mais comuns no Carnaval, como embriaguez, excesso de velocidade e ultrapassagens proibidas. Mais de 70 mil quilômetros de estradas foram fiscalizados.

Redução

Diminuiu também o número de acidentes graves, com vítimas graves ou óbitos – queda de 16% em relação a 2017. No total, foram 1.524 pessoas feridas e 103 mortos, redução de 15% e 31%, respectivamente, em relação a 2017, quando 1.792 pessoas se feriram e 150 morreram.

Menos multas

Outros pontos que caíram na comparação dos últimos dois anos foram as multas aplicadas em condutas de risco no trânsito: 25% nas autuações por não usar o cinto de segurança; 20% por dirigir alcoolizado; 14% por não usar o capacete e 24% por não colocar as crianças em cadeirinhas especiais.

Portal Brasil

*Senadinho Macaíba – A PMRN prendeu e conduziu nesta quinta-feira (15), para a Delegacia de Macaíba, João Maria Diniz dos Santos e Alef Silva Xavier, que um dia antes haviam roubado sob forte ameaça de morte, o carro de uma família que transitava em plena rodovia federal, BR-304, próximo ao povoado Lagoa do Lima. A equipe de policiais coordenada pelo capitão PM Trindade, do 11° BPM, empreendeu diligência e obteve êxito na missão.

 *Com Informações e fotos da DP Macaíba

Na tarde desta quinta-feira, dia 15 de fevereiro, aconteceu uma terrível fatalidade no Conjunto Habitacional Governadora Wilma de Faria, no Bairro Zélia Alves, na cidade de Angicos, interior do RN. Um menino de 2 anos e 3 meses morreu atropelado por um veículo.

Segundo relatos repassados à Delegacia de Polícia Civil, o motorista e sua esposa vendiam salgados em seu veículo tipo Fiat Uno parou para atender a um cliente e quando fora sair, ouviu quando uma senhora gritou  “o meu filho!”.

O motorista do veículo relatou para os policiais civis que rapidamente pisou no freio e deu marcha ré e viu uma criança caída ao chão ensanguentada, mas que não viu quando a vítima se pôs na frente do veículo. De pronto, ele prestou socorro à vítima, que deu entrada no Hospital Regional de Angicos por volta das 17h30 minutos, porém lamentavelmente não resistiu aos ferimentos.

Ainda de acordo com os policiais civis, o motorista se apresentou de forma espontânea na Delegacia de Polícia de Angicos, onde foi ouvido pelo Delegado Regional de Macau o Dr. Tiago Lima e, em seguida, foi liberado por ter prestado socorro à vítima, ter se apresentado espontaneamente e ser habilitado.

Via na Ficha da Polícia RN

SESED/ASSECOM – A Diretoria de Polícia Civil do Interior (DPCIN) orienta aos donos de documentos perdidos durante o carnaval, que os mesmos poderão procurar as delegacias dos municípios onde houve a perda. Para reaver o documento, é necessário levar algum outro documento para fazer a comprovação. Além disso, a Polícia Civil orienta a população para fazer a entrega de documentos ou objetos achados em uma delegacia.

De acordo com o artigo 169 do Código Penal é crime apropriar de coisa perdida e não restituí-la ao dono ou legítimo possuidor ou de entregá-la à autoridade competente, dentro no prazo de 15 (quinze) dias. Tal crime é passível de detenção ou multa.

Reprodução/Facebook

Um marginal identificado pelas iniciais J.V.D.C de 18 anos de idade foi baleado durante uma tentativa de assalto contra um policial militar na Avenida Abel Cabral, uma das mais movimentadas do bairro de Nova Parnamirim, município de Parnamirim, Grande Natal, na manhã desta quinta (15).

Com os disparos, o indivíduo veio a óbito ainda no local, tendo sido com ele encontrado um revólver calibre 32. De acordo com informações da página Nova Parnamirim Notícias, ele estaria acompanhado por um comparsa em um veículo que fugiu após o fato, que deu-se nas proximidades do antigo Clube Cosern.

Foto: Reprodução/Facebook

Um carro modelo Corsa Classic de cor preta e placas NNQ-1256 foi tomado de assalto no município de Macaíba na manhã desta quinta-feira (15/02). Segundo informações que circulam nas redes sociais da cidade, o proprietário foi abordado por elementos que estavam em outro veículo quando se aproximava da casa de uma familiar.

Quem tiver alguma informação sobre o seu paradeiro, disque para 181 ou 190, ou ainda entrar em contato com os números 98621-6816/98633-7422.

Foto: Reprodução/WhatsApp

Na Ficha da Polícia RN/Senadinho Macaíba – Um crime de homicídio foi registrado na noite desta terça-feira (13) na Rua do Fio, na cidade de Macaíba, região da Grande Natal.

No local, um jovem identificado pelo nome de Adson Almeida, 23 anos, mais conhecido como “Guinho”, foi assassinado a tiros em via pública no momento que estava em uma motocicleta.

Foto: Reprodução/WhatsApp

O local foi isolado pela PM, e uma equipe do ITEP foi acionada para realizar a remoção do corpo.

Mais um policial militar é vítima da insegurança na capital potiguar. Na ocasião, o cabo Gilberto Ferreira de Araújo foi alvejado com dois tiros no abdômen, após reagir a um assalto na Travessa Presidente Mascarenhas, no bairro das Quintas, zona Oeste.

O militar, lotado no 9° BPM, estava indo visitar a mãe, quando foi surpreendido por uma dupla em um Fox de cor branca. Após atirar contra a vítima, os bandidos ainda conseguiram levar a arma dele.

Levado, imediatamente, ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, o policial será submetido a procedimento cirúrgico, mas não corre risco de morte. A Polícia Militar realiza diligências para localizar e prender os criminosos.

Na noite de ontem, outro policial militar, lotado no Batalhão de Choque, foi atingido por disparos de arma de fogo, após uma confusão dentro de um bloco carnavalesco, na praia de Búzios, litoral Sul potiguar. Ele foi atingido de raspão na cabeça e passa bem. O atirador ainda não foi identificado.

Via Agora RN

Neste carnaval a Polícia Militar tem realizado o uso do Helicóptero, o Potiguar 01, nos locais de grande concentração de pessoas.

Além do patrulhamento aéreo, a CEIOPAER (Centro Integrado de Operações Aéreas) está dando apoio as viaturas durante as ocorrências, bem como também está preparada atuar em Salvamento Aquático e Resgate Aeromédico em conjunto com o SAMU.

Com intuito de diminuir o tempo de resposta, o Potiguar 01 atua diretamente em contato com o COPOM (Centro de Operações da Polícia Militar).

PM/ASSECOM

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte está a procura da pessoa de Mailson Lima da Silva, 20 anos, morador do bairro de Felipe Camarão. Segundo informações o mesmo sequestrou a sua própria filha de 2 anos e 9 meses no último domingo (11) na cidade de Macaíba, região da Grande Natal.

Segundo consta, ele agredia a esposa que vivia escondida devido às agressões e ameaças dele. Um boletim de ocorrência já foi registrado na delegacia.

Qualquer informação sobre o seu paradeiro e da criança entrar em contato através do 181, anonimamente ou pelo (84) 98780-3896.

Informações da página Na Ficha da Polícia RN

(Foto: Canindé Soares)

Uma mãe teria quebrado uma garrafa de vidro e ferido pelo menos três homens após o carrinho de bebê com seu filho ter sido atingido por uma mesa, segundo informou a Polícia Militar. A confusão aconteceu na madrugada deste domingo (11) próximo a uma lanchonete na Praia de Pirangi do Norte, em Parnamirim, na Grande Natal.

Quando a Polícia Militar chegou à lanchonete Comeu Morreu, por volta das 3h20, não encontrou mais ninguém envolvido no caso. Mas de acordo com o relato de uma jovem de 25 anos, que acompanhava três rapazes no hospital, houve uma briga envolvendo várias pessoas no local, que é bastante movimentado. Durante a confusão, uma mesa foi lançada e acabou atingindo um carrinho de bebê.

Depois disso, uma mulher quebrou uma garrafa de vidro e, com o gargalo, feriu pelo menos três homens. Segundo a assessoria da imprensa da Polícia Militar, a suspeita é que ela seja a mãe da criança no carrinho.

Um jovem de 19 anos, outro de 23 e o terceiro, que não teve a idade informada, foram levados ao Hospital de Pirangi do Norte, mas o último precisou ser transferido para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, em Natal.

Já a mulher responsável pelo ataque não foi identificada até o momento.

Informações do G1/RN

O corpo de um homem conhecido como ‘Rubens Vigia’ foi encontrado caído sob uma bicicleta nas primeiras horas da manhã deste domingo (11) em uma estrada carroçável no Parque Industrial, em Parnamirim.

A vítima foi assassinada por disparos de arma de fogo. Uma equipe do ITEP foi enviada ao local para realizar a remoção do corpo.

Informações da página Na Ficha da Polícia RN

Portal MPRN – Nos eventos festivos, a mulher se torna ainda mais alvo de assédio e estupro. Com a proximidade do Carnaval, o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) reforça em seus perfis oficiais nas redes sociais a campanha do #NãoéNão, que ganhou a internet nos últimos dias.

“Carnaval é uma festa de alegria e de liberdade. No entanto, as pessoas não devem confundir isso como uma licença ou salvo-conduto para praticar o assédio contra as mulheres”, comentou a promotora de Justiça e coordenadora do Núcleo de Apoio à Mulher Vítima da Violência Doméstica e Familiar (Namvid/MPRN), Érica Canuto, ressaltando que comumente as pessoas, não só os homens, mas também as mulheres, têm muita dúvida sobre o que é assédio e o que é a paquera.

“O limite é justamente a autonomia e a liberdade da mulher. Entendam quando a mulher diz um não como um não. Muitas vezes os homens encaram como sendo a mulher se fazendo de difícil. E aí puxa a mulher, puxa o braço, puxa o cabelo. Quando ela se recusa, ele xinga com palavrões”, pontuou.

Forçar um beijo, passar a mão, encostar. É tudo considerado como assédio, podendo até se configurar estupro, dependendo das circunstâncias. Há também a importunação ofensiva ao pudor e a perturbação e da tranquilidade. De acordo com a representante ministerial com atribuição na defesa dos direitos da mulher, são violações, agressões psicológicas e morais e também agressões contra a dignidade  sexual.

Quando o homem se aproveita do fato de a mulher ter bebido para forçar uma situação de intimidade sexual, esse ato é considerado como um estupro. A promotora de Justiça ainda observou que estar bêbado não atenua a responsabilidade do agressor. “A paquera deixa de ser paquera depois do não. A partir do não, é assédio”, completou.

Denúncia e provas

Em casos de assédio e estupro, as pessoas podem fazer denúncias pelo telefone, no número 180 – discagem gratuita. O número é nacional, mas a denúncia vai para a mesa do promotor e para a mesa das delegadas da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam). “Caso não queiram denunciar pelo telefone, podem ir direto à Deam ou à Delegacia de Plantão”, completou.

A promotora ainda sugere que as mulheres tenham sempre à mão o celular, para tentar gravar e filmar. “A violência doméstica é sempre de alguém do convívio da vítima. Porém, o assédio, especialmente no Carnaval, será de uma pessoa desconhecida. E nesse caso, ficará mais fácil localizar e responsabilizar o autor da agressão se a mulher conseguir filmar ou fotografar”, orientou.

PC/ASSECOM – Agentes da Delegacia de Polícia Civil de Macaíba prenderam em flagrante nesta sexta-feira (09), a pessoa de Ramon Flawbert Alves dos Santos. O homem é suspeito de ter participação em um duplo homicídio, que vitimou pai e filho, em um açude nas proximidades da BR-304, em Macaíba.

Segundo relatos, as vítimas participaram de uma discussão em um bar, que resultou na morte à queima-roupas dos dois. Cinco homens estavam envolvidos no desentendimento, onde foram encontradas cápsulas de calibre 380. Após denúncias, policiais realizaram diligências na região e prenderam Ramon Alves . Acusado de ter participação no crime, ele foi reconhecido na delegacia por testemunhas que presenciaram o ocorrido.

O homem foi autuado por homicídio e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da justiça.

SESED/ASSECOM – O efetivo da polícia militar que atuará no carnaval embarcou hoje para o interior do Estado. Os policiais saíram do quartel da PM na manhã desta sexta-feira (9) e seguem com a Operação Carnaval até a próxima quarta-feira (14). Para garantir a atuação dos agentes, as diárias operacionais correspondentes aos cinco dias de trabalho já foram pagas. Já o salário da categoria refente a janeiro, começou a ser depositado hoje para os ativos e segue até amanhã (10) para inativos e pensionistas.

“Saindo com as diárias e os salários pagos, incentiva e estimula o trabalho da tropa, mostrando que o governo valoriza e sabe da importância da segurança neste período de festas e grande aglomeração de pessoas”, enfatizou o Comandante Geral da PM, Coronel Osmar Oliveira.

Ao longo de todos os dias de carnaval, estarão nas ruas do Rio Grande do Norte um efetivo de 7.415 agentes de segurança. Serão 6.307 policiais militares nos principais polos carnavalescos, sendo 2.129 homens do Comando de Policiamento do Interior (CPI), 3.674 do Comando do Policiamento Metropolitano (CPM), 504 do Comando do Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE). Já o Corpo de Bombeiros Militar distribuirá 650 homens no litoral e interior do estado. A Polícia Civil contará com um efetivo 458 policiais em pontos estratégicos.

O comandante do CPI, Coronel Wellington Arcanjo, explicou que o trabalho acontecerá em todas as regiões do do estado, mas principalmente nas cidade de Apodi, Caicó, Areia Branca, Tibau, Macau, Assú, Touros, Barra de Maxaranguape, São Miguel do Gostoso, Pipa, Barra de Cunhaú e Baía Formosa. “Faremos barreiras para coibir furto de veículos, posse de armas de fogo e drogas, para garantir a tranquilidade da população”, afirmou o coronel.

Já o trabalho do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) estará com foco principal no litoral sul (até Barreta) e Norte (até Muriú), e nos polos do Carnaval de Natal (Petrópolis, Ribeira, Rocas, Centro Histórico, Ponta Negra e Redinha).

Foto: Divulgação/PRF

Fiscalização será intensificada nas rodovias para evitar acidentes. Em caso de emergência, ligue 191

Para aumentar a segurança dos brasileiros que irão viajar no feriado, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) começa nesta sexta-feira (9) a Operação Carnaval 2018. Até a próxima quarta-feira (14), a fiscalização será intensificada em todo o Brasil, com atenção especial a locais que registram maior quantidade de acidentes. A ação durante o feriado faz parte da Operação RodoVida, que começou em dezembro de 2017 e terminará em 18 de fevereiro.

Segundo a PRF, o Carnaval é um feriado crítico para a fiscalização devido ao fluxo intenso nas rodovias federais e ao consumo abusivo de álcool. Os policiais estarão ainda mais atentos a infrações como ultrapassagens indevidas, excesso de velocidade e falta de equipamentos de segurança, como capacete, cadeirinhas de bebê e cinto de segurança. Em caso de emergência, ligue 191.

Nos últimos cinco anos, os estados com maior número de acidentes graves no período foram Bahia, Minas Gerais e Santa Catarina – eles concentram quase 30% de todas as colisões registradas no País no Carnaval. Ano passado, houve 1.696 acidentes de trânsito,  2.019 pessoas multadas e 214 presos por dirigirem alcoolizados e quase 12 mil registros de ultrapassagens indevidas.

Portal Brasil