delegada e chefe da policia Foto Reproducao TVs

O CHEFE DA POLÍCIA CIVIL, FERNANDO VELOSO, E A DELEGADA TITULAR DA DELEGACIA DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE VÍTIMA, CRISTIANA ONORATO BENTO (FOTO: REPRODUÇÃO/TVS)

A Polícia Civil do Rio de Janeiro finalmente decidiu agir, prendendo os dois primeiros suspeitos de participar do estupro coletivo de uma adolescente de 16 anos de idade, na favela conhecida por Morro da Barão. Raí de Souza, 22, entregou-se na Delegacia da Criança e Adolescente Vítima, no Centro, enquanto Lucas Perdomo Duarte, jogador de futebol do Boa Vista, que “ficava” com a vítima, foi detido em um restaurante no Centro do Rio. Outros quatro bandidos estão foragidos.

 titular da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV) Cristiana Onorato Bento, delegada responsável pela investigação do estupro coletivo de uma jovem de 16 anos no Morro da Barão, na zona oeste, disse nesta segunda-feira, 30, não ter dúvidas de que o crime aconteceu. Segundo ela, as imagens da jovem registradas em vídeo e divulgadas nas redes sociais são provas de que houve estupro praticado por, pelo menos, três pessoas.

“Minha convicção é que houve estupro. Tanto que está no vídeo. Quero provar agora é a extensão desse estupro. Se foram cinco, dez, trinta”, afirmou a delegada, em entrevista coletiva ao lado do chefe da Polícia Civil, Fernando Veloso e outros policiais que acompanham o caso.

O chefe da Polícia Civil, Fernando Veloso, explicou que a investigação se debruça sobre dois momentos: o vídeo, que mostra provas e envolvimento de alguns suspeitos, e o momento anterior, do estupro coletivo denunciado, que está na fase de coleta de provas e depoimentos. Não há “prova técnica”, segundo ele, da participação de 33 pessoas.

Para a Polícia Civil, porém, é claro que houve estupro coletivo, porque o vídeo mostra um homem tocando a adolescente e há vozes de outros no mesmo ambiente.

De acordo com a perita legista do Instituto Médico Legal (IML), Adriane Rego, não foi constatada violência física no exame. No entanto, ela ressaltou que o exame foi feito cinco dias depois do ocorrido.

Cristiana Bento explicou que o fato de o exame físico não constatar lesão na vítima não quer dizer que não houve o crime. “Nesse tipo de investigação, pode não ter acontecido lesão e haver estupro; e pode ter acontecido lesão e não ter acontecido estupro”, explicou. “Se ela estava desacordada, não vai ter lesão, porque ela não ofereceu resistência”.

Sobre o vídeo, os suspeitos podem ser indiciados por estupro de vulnerável e produção, armazenamento e distribuição de pornografia com menores de idade, de acordo com os artigos 240 e 241A do Código Penal.

Do Site Diario do Poder

DSC_8789

No último sábado (28) o prefeito Fernando Cunha participou do IV Seminário de Inclusão Escolar, com o tema “Inclusão, dignidade e acessibilidade para todos!”, no centro de convivência Pax Club. Professores presentearam o gestor com uma camiseta e destacaram o trabalho da gestão no campo da qualificação dos docentes nesta atual gestão. Já foram mais de 30 cursos de qualificação para os profissionais da educação, além de reformas e ampliação de escolas e a construção de 05 novas creches.

Mais de 300 professores da Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II, auxiliares de sala professores atuantes em salas de recursos multifuncionais, coordenadores pedagógicos, gestores escolares e alunos da educação especial estiveram presentes. A secretária municipal de Educação, Márcia Portela e o secretário municipal de Trânsito e Transporte, Juedson Costa também estiveram presentes no Seminário.

25

13329672_1256824487662379_174190529_n

No distrito de Traíras, zona rural de Macaíba, um grupo de mulheres está fazendo um trabalho voluntário elogiável para melhorar a saúde e a autoestima. Estamos nos referindo ao grupo Traíras Dance, que é coordenado por Raquel Costa, e já chegou a reunir quase 80 participantes.

Praticamente, todas as noites, elas se encontram na quadra da praça da localidade e começam a dançar ao som de músicas de diversos ritmos como zumba, forró e swingueira. Os principais objetivos são perder peso e combater o sedentarismo. “Começamos esse movimento por uma brincadeira. Eram três, quatro ou cinco mulheres. Daí, começamos a chamar outras, e quando elas viram que a gente tava perdendo peso, aí começaram a aparecer.

Só que a gente não tinha divulgação. Mesmo assim, resolvemos continuar nossa dança. São coreografias simples, mas o importante é perder peso”, disse Raquel. Algumas mulheres que frequentam as atividades do grupo já perderam 15 ou 20 quilos. Raquel explica que é um dos exemplos. “Comecei com 80 e hoje estou com 65”. No próximo dia 03 de junho, elas irão organizar um evento no parque de vaquejada Maria Guedes para divulgar o grupo. O evento começa a partir das 19h.

O assentamento Eldorado dos Carajás, situado nas proximidades da comunidade rural de Tabatinga, foi palco de uma ação de saúde da Prefeitura de Macaíba na manhã do sábado (28).  A ação incluiu atendimentos do trailer odontológico, testes rápidos para detecção de doenças sexualmente transmissíveis como HIV e sífilis, além de hepatites virais.

 Moradora do assentamento, a senhora Valmira Débora Alves foi atendida durante a ação, onde realizou testes rápidos e passou pelo trailer odontológico: “Tá ótimo aqui e fui muito bem atendida”, relatou. O mutirão do projeto “Caça ao Mosquito”, da Secretaria Municipal de Saúde, também esteve percorrendo as ruas na localidade, com a ajuda de integrantes do grupo de teatro Filhos da Arte.

IMG-20160530-WA0012

Na tarde deste último domingo (30) o prefeito Fernando Cunha fez uma visita ao bairro Pé do Galo e prestigiou a festividade alusiva ao Dia das Mães. O prefeito saudou as genitoras presentes, conversou, agradeceu e parabenizou os organizadores pela bonita festa entre eles, Chiquinha do Pé do Galo. A comemoração começou com um bonito show de louvor e em seguida aconteceu a entrega de brindes e distribuição de lanches aos presentes.

Roubo carro Forte

G1 RN – Criminosos encapuzados roubaram um carro-forte no final da manhã desta segunda-feira (30) no estacionamento do Hiper Bompreço que fica na Av. Prudente de Morais, na Zona Sul de Natal. Vestidos com coletes da Polícia Civil e armados com um fuzil, os assaltantes renderam os seguranças da transportadora e levaram os malotes. A quantia levada não foi divulgada.

De acordo com informações preliminares da assessoria de comunicação da PM, o carro-forte iria abastecer os caixas eletrônicos do supermercado. No entanto, antes de os malotes serem transportados até o interior do estabelecimento, o grupo abordou os seguranças. Até o momento, a PM não conseguiu identificar quantos bandidos participaram da ação. Ninguém foi preso.

Equipes da Polícia Civil e da PM foram até o local para colher as primeiras informações, enquanto homens do Batalhão de Choque da PM (BPChoque) e da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam) realizaram buscas para localizar os suspeitos.

detran

adolescentes

Um policial militar de folga conseguiu frustrar na manhã desta segunda-feira (30) um roubo a uma loja de roupas em um shopping no Bairro de Petrópolis, na zona Leste de Natal. O militar percebeu a atitude suspeita do grupo e rapidamente conseguiu agir e deter os três infratores, que são adolescentes.

Um revólver calibre 38 foi apreendido com o trio e alguns produtos roubados no shopping foram recuperados. Todos foram encaminhados à Delegacia Especializada de Atendimento ao Adolescente Infrator (DEA), em Cidade da Esperança, onde estão sendo realizados os procedimentos legais cabíveis.

dna

O momento é delicado para todos os municípios brasileiros, mais de 570 não conseguiram estão com salários atrasados e sem previsão de pagamento. Mesmo diante deste cenário desolador, a gestão de Macaíba é uma das poucas no RN que segue tocando obras importantes.  Neste terça feira (31) o prefeito Fernando Cunha assinará uma ordem de serviço para a pavimentação de ruas na comunidade Guarapes, às 16h ao lado de vereadores, lideranças comunitárias e a população no geral. As obras inclusive já iniciaram.

Na atual gestão mais de 80 ruas já foram pavimentadas. Entre os locais que receberam os trabalhos estão o Loteamento Esperança, que conta com 17 novas ruas pavimentadas, a comunidade rural As Marias, Lagoa dos Cavalos, os bairros Morada da Fé e Campo das Mangueiras, Campo da Santa Cruz entre outros.

Somadas ao programa de pavimentação da atual gestão estão outras obras como a construção de cinco novas creches, sendo uma no conjunto Monte Líbano, uma no bairro Campo das Mangueiras e três na zona rural da cidade, sendo Cana Brava, Traíras e Cajazeiras os distritos beneficiados; cinco novas unidades de saúde (as unidades modelo José Celho, Campo das Mangueiras e Mangabeira além das novas instalações da unidade da comunidade Ferreiro Torto e do Loteamento Esperança.

Os cofres vazios em grande parte das prefeituras do País têm se refletido diretamente nos bolsos dos funcionários municipais. Em 576 cidades, os prefeitos não têm conseguido pagar em dia o salário dos servidores. Desse total, 11% estão com atraso superior a seis meses, segundo levantamento da Confederação Nacional dos Municípios.

No Piauí, por exemplo, algumas prefeituras foram acionadas na Justiça para fazer o pagamento dos funcionários. Esse é o caso do município de Boa Hora, a 156 quilômetros de Teresina. Mergulhada numa forte crise financeira, os servidores públicos estão há quatro meses com salários atrasados. Diante da situação, os professores decidiram fazer greve por tempo indeterminado ou até receberem os pagamentos. A dívida inclui ainda salários de vigias, zeladores e secretários escolares.

Além dos meses em atraso neste ano, há outras pendências na conta da prefeitura: salários em aberto referentes a dezembro de 2012, dezembro de 2014 e a novembro e dezembro de 2015. A crise afeta diretamente a vida da população, porque serviços públicos como coleta de lixo, educação e saúde estão sendo prejudicados. As medidas de contingenciamento se estendem por vários municípios do Estado. Ler mais…

Embora reforce posicionamento, capitão da PM pede desculpas aos ‘policiais civis que de fato trabalham e honram o cargo’

stivson

Agora RN: Depois da polêmica ocasionada pela propagação de um áudio no qual caracteriza os policiais civis e majoritariamente os delegados civis como pessoas que são bem remunerados e trabalham pouco, o capitão PM Styvenson Valentim emitiu nota através da sua página no Facebook onde relata que a voz do áudio que circula pelas redes sociais pertence a ele. No entanto, o policial reforça o seu posicionamento. Confira nota na íntegra:

“Sim, a voz em um áudio vazado e “recortado” que circula em grupos de WhtasApp é a minha. O áudio é uma conversa com uma cidadã indignada, após a mesma postar uma mensagem na minha página pessoal no Facebook. Admito toda minha intempestividade ao generalizar a minha insatisfação a todos os policiais civis, mais específico aos delegados civis.

Reconheço a minha explosão emotiva por buscar um serviço público melhor, e por isso, aos policiais civis que de fato trabalham e honram o cargo, minhas sinceras desculpas por ter colocado os senhores nos rol dos funcionários públicos preguiçosos, dos parasitas, e que todos sabem que existem. Aos delegados que me acompanharam durante inúmeras operações da Lei Seca, queria lembrar nome de todos, mas infelizmente só me recordo, no momento, dos competentes delegados Daniel e Montanha, seus agentes e escrivães. Aos outros profissionais delegados e agentes, que sempre nos atenderam, não por amizade, nem por aliança corporativista, mas sim pelo profissionalismo em cumprir sua função de maneira exemplar, o meu respeitoso perdão. Generalizar foi meu grande erro.

Também peço desculpas a todos pela forma grosseira de como me referi ao meu País.

Mas, não retiro uma vírgula sequer sobre o que falei sobre alguns funcionários públicos, que recebem, alguns muito bem, e nada fazem pelo cidadão, muito pelo contrário, apenas apontam o dedo para quem tenta trabalhar por um país melhor.

Atenciosamente,

Capitão PM Styvenson Valentim.”

dna

Foi a primeira vez que houve um movimento inverso ao da ascensão socioeconômica que vinha ocorrendo desde 2008

Dinheiro 2

Faz três meses que o pedreiro Maurício Paes de Souza tenta pagar a última prestação do Uno 2007, comprado há quatro anos. A parcela é de R$ 630, mas, sem emprego desde janeiro, com a mulher também desempregada e dois filhos para sustentar, ele corre o risco de perder o automóvel – assim como já perdeu tantas outras pequenas conquistas de consumo dos últimos anos. Aos poucos, Souza se dá conta de que não pertence mais à mesma classe social da qual chegou a fazer parte, como outros milhares de brasileiros. Só no último ano, quase um milhão de famílias desceram um degrau na escala social.

Foi a primeira vez que houve um movimento inverso ao da ascensão socioeconômica que vinha ocorrendo desde 2008. O estudo, da Associação Brasileira das Empresas de Pesquisa (Abep), mostra que, de 2015 para 2016, a classe que abrange famílias com renda média de R$ 4,9 mil (chamada de B2) perdeu 533,9 mil domicílios. A categoria dos que ganham R$ 2,7 mil (C1) encolheu em 456,6 mil famílias.

Ao mesmo tempo, as classes mais pobres ganharam um reforço. Na categoria em que as famílias têm renda média de R$ 1,6 mil (C2), o incremento foi de 653,6 mil domicílios. Outras 260 mil famílias passaram a fazer parte das classes D e E, com renda média de apenas R$ 768. Ler mais…

baltazar

O juiz das execuções penais, Henrique Baltazar, resolveu entrar na polêmica causada pelas declarações do capitão Styvenson Valentin, coordenador das blitzens da Lei Seca no Rio Grande do Norte, que admitiu ter feito críticas a setores da Polícia Civil, o que foi alvo de notas de repúdio de associações de policiais civis e delegados.

Segundo Baltazar, em sua conta numa rede social, “para saber se o capitão mentiu precisamos de dados. Exemplo: Qual o percentual de absolvições criminais por falta de provas? Qual a quantidade e percentual de inquérito devolvidos pelo Ministério Público à Polícia Civil com requisição de diligências?”, indagou.

Ainda segundo Baltazar, “sem esses dados, qualquer posicionamento se dará por medo da repercussão, por espírito de corpo, por gentileza ou por conhecimento específico funcional”.

Do Agora RN

Em entrevista ao programa Fantástico, da Rede Globo, neste domingo (29/5), a jovem vítima de estupro coletivo no Rio de Janeiro disse que foi desrespeitada ao prestar depoimento na delegacia. Ela afirmou que não foi bem tratada pelo delegado, que fez perguntas constrangedoras. “Quando fui à delegacia não me senti à vontade em nenhum momento. Tentaram me incriminar, como se eu tivesse culpa por ter sido estuprada”, disse a jovem. O delegado teria perguntado se ela tinha costume de praticar o ato e se ela gostava disso.

Sobre a violência sexual, ela afirmou que não havia se drogado naquela noite e acredita que foi dopada – a adolescente acordou quando ainda estava sendo abusada. Ela afirmou que não iria contar a ninguém sobre o crime, porque estava com vergonha.

A jovem também disse estar incomodada com a repercussão do caso e que recebeu ameaças de morte pelas redes sociais. Ela ainda desmentiu fotos com armas, vídeos e áudios diversos que circulam na internet e que não seriam dela, e agradeceu ao apoio de quem acreditou em sua palavra e se solidarizou com o caso denunciando-o. Segundo a reportagem, o chefe da Polícia Civil do Rio disse que a conduta do delegado será apurada.

Bandida bandido 1

Uma equipe da Divisão de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) conseguiu prender em flagrante, na manhã desse domingo (29), Bruno Araújo da Costa,22 anos conhecido como Bruninho, e sua namorada Miquelha Borges da Silva, 19 anos. Eles são suspeitos de terem atirado em Francisco Eduardo da Silva Malaquias, por volta das 17h00 do último sábado (28). A vítima faleceu na noite do sábado, em decorrência dos disparos.

A vítima foi atingida por disparos de arma de fogo, quando estava na esquina da travessa Marcílio Dias com a rua São Pedro, no bairro de Igapó, acompanhada por sua mãe, sua namorada e um amigo. Francisco Eduardo ainda chegou a ser levado até o Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos. “Logo após a morte da vítima, uma equipe da DHPP dirigiu-se até o hospital e começou a realizar a investigação de uma forma extremamente rápida, o que conduziu a efetivação da prisão em um prazo tão curto. O delegado Luciano Costa, o qual conduziu esta investigação e identificação dos suspeitos, recebeu o caso na noite de sábado, durante o plantão e não mediu esforços para ficar todo o domingo dedicado a elucidar este homicídio”, destacou o diretor da DHPP, Ben-Hur Medeiros.

“Para elucidação desse crime nossa equipe de investigação contou com a colaboração do soldado Figueiredo da Polícia Militar, que descobriu que o autor dos disparos usava tornozeleira eletrônica, e diligenciou junto ao sistema prisional para identificar o suspeito. Com base nas informações chegamos a pessoa de Bruninho, que cumpre pena no sistema semiaberto, chegou ao local do crime pilotando a moto e levando consigo sua namorada. Que ao abordar a vítima, Bruninho teria questionado se Francisco Eduardo fazia parte de alguma facção criminosa e que logo após a pergunta, começou a disparar os tiros à queima-roupa. De forma preliminar, acreditamos que a vítima foi atingida por pelo ou menos quatro disparos. Um dos disparos também atingiu um dos pés de Nailson da Silva Lima, amigo da vítima fatal ”, detalhou o delegado da DHPP responsável pelo caso, Luciano Costa Chaves de Almeida.

Com base na investigação, a Polícia Civil descobriu que o casal, suspeito pelo crime, estava em residência no bairro Vale Dourado. No local, os policiais civis encontraram a motocicleta que teria sido usada no momento do crime. Uma equipe de policiais civis comandada pela delegada Jamile Alvarenga foi até a casa da mãe de Bruninho, localizada no bairro de Igapó e lá chegando encontrou um revólver calibre 38, com numeração adulterada, carregado com seis projéteis intactos. Bruno Araújo e namorada Miquelha Borges foram conduzidos e presos em flagrante pelo crime de homicídio e tentativa de homicídio.

CAERN

investigador

Um policial civil foi morto na noite deste sábado (28) na Rua José Lourenço de Moraes, em Taboão da Serra, após discutir na porta de sua casa com um policial militar. Durante briga, o PM teria disparado cinco tiros contra o colega. O investigador foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Informações iniciais apontam que a briga entre eles começou devido a um carro que estava estacionado em frente à residência do Civil. O militar também levou um tiro na perna, foi encaminhado ao hospital e depois recebeu voz de prisão da corregedoria.

F.S.M, que trabalhava e morava em Taboão, deixou 4 filhos e já havia sido integramte do Garra (Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos).

O caso foi encaminhado ao 1º Distrito Policial de Taboão da Serra.

IG

dna

delcidio

Ex-líder do governo no Senado, o senador cassado Delcídio do Amaral (sem partido-MS) disse neste sábado (28) em entrevista exclusiva à GloboNews que o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado era “prioridade absoluta’’ do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), na residência oficial do peemedebista. Delcídio relatou episódios em que o presidente do Senado suspendia reuniões com outras pessoas para atender Machado.

Delcídio teve o mandato cassado no último dia 10. Ele foi preso em novembro de 2015 por suspeita de tentar atrapalhar as investigações da operação Lava Jato e deixou a prisão em fevereiro deste ano. Desde então, ele é mantido em recolhimento domiliar.

A cassação de Delcídio ocorreu após parlamentares descobrirem que ele havia firmado acordo de delação premiada. Na colaboração, ele fez revelações envolvendo diversos ex-colegas de parlamento, como o próprio Renan, o que irritou os senadores. Delcídio atribui a rapidez de sua cassação, antes da votação no Senado do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, a uma “vingança’’ do presidente da Casa. Ler mais…

dinheiro_1-238x250

Num efeito dominó, o rombo dos orçamentos públicos chegou ao elo mais fraco: as prefeituras. Com caixa mais apertado e pouca capacidade de arrecadação, os prefeitos têm lançado mão de várias medidas para fechar as contas: a lista do ajuste municipal inclui desde a demissão de funcionários até a redução do horário de expediente dos órgãos públicos.

O malabarismo, porém, não deve ser suficiente: mais de 60% das prefeituras vão terminar o ano no vermelho, segundo pesquisa da Confederação Nacional dos Municípios (CNM). A deterioração das contas dos municípios, assim como vem ocorrendo com os governos estaduais, tem como pano de fundo a grave crise fiscal que assola o Brasil. No caso dos Estados, o problema foi agravado pela combinação entre aumento da dívida e crescimento das despesas com pessoal.

2e

suspeitos_roubo

Policiais do 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM) conseguiram prender dois infratores identificados por Sanderson Maia Fonseca e Francisco Dantas no momento em que eles tentavam roubar um carro na noite deste sábado (28), no bairro Rosa dos Ventos, na cidade de Parnamirim. A viatura realizava um patrulhamento de rotina, quando avistaram quatro homens abordando os passageiros do carro.

Ao perceberem a aproximação da Polícia Militar, os suspeitos tentaram fugir mas os dois acabaram detidos pelos policiais. Com eles a PM recuperou quatro aparelhos celulares e um veículo Chev, de cor branca, que estavam sendo roubados. Eles foram encaminhados à Delegacia de Plantão da zona Sul de Natal para o registro da ocorrência e as devidas autuações, ficando à disposição da Justiça.

CAERN

mario_1

Por Interino

O vocalista do grupo de samba Fundo de Quintal, Mario Sérgio Ferreira Brochado, de 58 anos, morreu na madrugada deste domingo (29). A morte foi anunciada nesta manhã pelo site da banda e suas páginas nas redes sociais.

Segundo a produção da banda, ele estava internado havia uma semana em um hospital em Nilópolis, na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, para fazer exames e estaria tratando um linfoma. Ainda não há informações sobre o velório.

dna